Grêmio mantém ciclo vitorioso e conquista Recopa Sul-Americana

0
1619

Sem dúvida, o Tricolor está em ótima fase, ratificada pela conquista da Recopa Sul-Americana em um jogo disputado, mas enfadonho, no qual não conseguiu derrotar o Independiente de Avellaneda em plena Arena Grêmio na noite de quarta-feira (21). Nem mesmo a expulsão do zagueiro Amorebieta, após um chute no peito de Luan, no final do primeiro tempo, permitiu ao time do Grêmio marcar pelo menos o gol da vitória, seja no tempo regulamentar, seja na prorrogação. É bem verdade que o goleiro da equipe argentina destacou-se com grandes defesas, entretanto, ficou claro que a equipe de Renato Gaúcho enfraqueceu-se em relação ao ano passado, após a saída de alguns jogadores importantes. a taça veio somente na série de cobrança de penalidades máximas, onde brilhou a estrela do arqueiro Marcelo Grohe que defendeu a última cobrança  e garantiu a segunda Recopa na galeria de troféus do clube gaúicho. Aliás, as conquistas têm sido rotina desde a chegada de Renato Gaúcho – são três desde setembro de 2016 – além desta, ele comandou o Grêmio nas conquistas da Copa do Brasil de 2016 e da Copa Libertadores da América de 2017. Nada mal, não?

Martín Silva ocupa vaga de ídolo no Vasco

Após a saída de jogadores renomados como Nenê e Anderson Martins, arqueiro uruguaio consolida condição de maior referência para torcida, mas mantém personalidade reservada. A classificação do Vasco para a fase de grupos da Libertadores passou diretamente por Martín Silva. Ele foi o responsável por dar a vitória ao time na disputa de pênaltis ao defender três cobranças depois que a equipe perdeu no tempo normal por 4 a 0 para Jorge Wilstermann, em Sucre, na Bolívia. O uruguaio escreveu mais um capítulo para ampliar sua idolatria no Vasco. Seu posto de maior referência do clube atualmente ficou ainda mais claro depois da saída de Nenê e Anderson Martins. Os torcedores lembram que ele já aceitou defender o Vasco na Série B e, embora esteja com salários atrasados e insatisfeito com muitas coisas dentro do clube, não abandonou o barco. Durante o jogo, o goleiro havia reclamado muito da forma repetitiva que o Vasco levou os gols, todos os quatro em cruzamentos para área. Se não fosse por Martín Silva, o Vasco da Gama estaria amargando uma desclassificação em consequência da desatenção da equipe carioca. Após ter feito o placar elástico de 4 a 0, o Vascão foi para Sucre certo da classificação. Entretanto, em 17 minutos a equipe boliviana abriu 3 a 0 – com três gols de cabeça. Apesar da melhora na etapa final, sofreu outro gol de cabeça, e a decisão foi para os pênaltis, onde brilhou a estrela do goleiro vascaíno.

Galo goleia Botafogo-PB

O Atlético-MG está na terceira fase da Copa do Brasil. A vaga foi carimbada com goleada sobre o Botafogo-PB. No estádio Almeidão, em João Pessoa, o Galo aplicou 4 a 0 no adversário. O primeiro gol atleticano foi marcado por Róger Guedes na etapa inicial. Os outros três saíram no segundo tempo, com Ricardo Oliveira, Cazares e Luan. Na terceira fase, o Galo terá pela frente o Figueirense, que eliminou o Oeste também na quarta-feira (21), ao vencer por 2 a 1, no Orlando Scarpelli, em Santa Catarina. O gol da vitória do time catarinense saiu aos 46 minutos do segundo tempo, com Cleberson. Vale lembrar que, a partir da terceira fase, os duelos serão com jogos em ida e volta, sem o gol qualificado. O primeiro jogo será já na próxima quarta-feira, em Florianópolis. Atlético-MG volta a jogar pelo Campeonato Mineiro, no domingo (25), contra o Tupi, em Juiz de Fora.

Em jogo de nove gols e quatro viradas, Atlético-PR vence Tubarão pela CB

Uma partida para ficar na história da Arena da Baixada.  Foi assim que o Atlético-PR venceu o Tubarão-SC por 5 a 4 em jogo de quatro viradas e avançou na Copa do Brasil – ele pega o Ceará na terceira fase. Todos os gols foram no segundo tempo em uma sequência de viradas: Bergson, Matheus Rossetto, Guilherme, Thiago Heleno e Felipe Gedoz marcaram para o Rubro-Negro. Lucas Costa, Matheus Barbosa, Batista e Daniel Costa marcaram os gols da equipe catarinense. O jogo de ida entre Atlético-PR e Ceará será na semana que vem, na Arena da Baixada. A partida de volta, no Castelão está prevista para a semana de 14 de março. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) ainda vai divulgar dia e horário.

Remo sai na frente, mas Inter vira no Mangueirão e avança na CB

O Internacional atravessou o país para ir a Belém e fez valer o seu favoritismo, causado pela superioridade técnica e financeira em comparação com o Remo. Mas não foi fácil. O time paraense abafou os gaúchos nos primeiros minutos e saiu na frente no placar, com bonito gol de Felipe Marques. Só que, quando o Inter encaixou no jogo, passou fácil pela defesa remista. Criou várias chances e conseguiu converter duas em gol: primeiro com Leandro Damião – que encerrou jejum de sete jogos – e depois com Edenílson. Na etapa final o Internacional sentiu o campo pesado, mas o Leão Azul esbarrou nas próprias deficiências técnicas e não conseguiu se aproveitar. Ainda assim, caiu em pé: o bom público presente aplaudiu a o time ao término da partida. Com a classificação, o Internacional encara o Cianorte, que eliminou o Criciúma em Santa Catarina. A terceira fase da Copa do Brasil passa a ser em jogos de ida e volta. Em sorteio, a CBF definiu que o Inter será o mandante do primeiro jogo. As partidas serão nos dias 28 de fevereiro e 14 de março. Antes disso, o Colorado volta a campo neste domingo (25) quando irá enfrentar o São Luiz, pelo Gauchão.

Ceará vence Londrina em partida emocionante

Foi um jogo fantástico no Estádio do Café. O Ceará conseguiu a vitória aos 48 minutos do 2º tempo e se classificou para a 3ª fase da Copa do Brasil. Depois de estar perdendo, o Alvinegro de Fortaleza arrancou a virada e ganhou, por 2 a 1, na noite de quarta-feira (21). Com isso, o time cearense enfrenta agora o Atlético-PR na próxima fase, que será realizada a partir do dia 28 deste mês de fevereiro. Carlos Henrique marcou o gol do Londrina e Juninho e Arthur, os gols do Ceará. O Vovô espera agora a definição das datas das duas partidas contra o Furacão. Antes, o time cearense encara o Tiradentes, pelo Campeonato Cearense, no sábado (24).

Goiás elimina o Boa e avança na Copa do Brasil

Após empate sem gols no tempo normal, goleiro Marcelo Rangel defende duas cobranças, adversário erra uma a mais, e Alviverde se classifica para enfrentar o vencedor de Uberlândia x Coritiba na terceira fase. O Goiás está classificado para a terceira fase da Copa do Brasil após uma verdadeira batalha nos pênaltis. No tempo normal, prevaleceu o empate sem gols no estádio Serra Dourada. A decisão acabou indo para as penalidades, e foram necessárias oito cobranças de cada lado para sair o vencedor. O Boa Esporte errou três, enquanto o Alviverde desperdiçou apenas duas e levou a melhor por 6 a 5.

Dorival Júnior continua no São Paulo. Até quando?

Pressionado depois de duas derrotas seguidas e protestos de organizados pedindo sua saída, o técnico está mantido no cargo de treinador. Ao menos até o jogo de domingo, contra a Ferroviária, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista. Na quinta-feira (22), a diretoria do Tricolor se reuniu com Dorival, algo de praxe após as partidas da equipe. Houve uma cobrança mais forte em relação ao desempenho do time, reconhecido como ruim pelo próprio profissional na derrota por 2 a 1 para o Ituano, no interior – gols de Ronaldo e Alison, para o Ituano e de Cueva para o Tricolor. O peruano ainda desperdiçou uma cobrança de penalidade máxima, aos 50 minutos do segundo tempo, defendida pelo arqueiro Vagner. Há uma cobrança sobre Dorival Júnior em relação a encontrar uma maneira de aproveitar melhor as promessas da base, mesmo que seja durante a partida. O técnico, no entanto, está se sentindo encurralado por entender que precisa escalar as principais estrelas do time juntas, o que dentro de campo não tem dado certo. De maneira geral, portanto, o técnico ganhou mais uma chance, que pode ser a última, de fazer o São Paulo engrenar. A sequência agora tem Ferroviária, domingo, pelo Paulistão, CRB, pela Copa do Brasil, na quarta-feira, e Linense, dia 4, e Palmeiras, dia 8, pela competição estadual.

Fla e Flu goleiam na abertura da Taça Rio

Foi com boa atuação e goleada que o Fluminense venceu o Bangu por 4 a 0, na quarta-feira (21), em Moça Bonita. Com dois gols de Marcos Junior, artilheiro do time na temporada (cinco gols), o Tricolor confirmou a fase de bons resultados na abertura da Taça Rio. Pedro e Marlon Freitas fecharam o placar. Agora, em Cuiabá, o Flu tem o clássico diante do Flamengo. Já o campeão da Taça Guanabara no último fim de semana, o Flamengo utilizou seu time principal na estreia da Taça Rio para realizar um teste importante a uma semana de sua estreia na Libertadores (na próxima quarta, diante do River Plate).  Com Jonas na vaga de Cuéllar (que estará suspenso nos primeiros dois jogos do torneio continental), Rodinei na direita e Diego Alves de volta ao gol, o Rubro-Negro não enfrentou problemas diante de um Madureira muito pouco eficiente. Goleou por 4 a 0 com gols de Diego (em bonita cobrança de falta), Paquetá, Dourado (de pênalti) e Vinicius Junior