Herdeira da rede Publix morre de Alzheimer aos 65 anos

Carol Jenkins Barnett era filha do fundador do Publix Super Markets, George Jenkins, e herdeira de uma fortuna bilionária; ela foi diagnosticada com a doença em 2016 aos 59 anos

0
1594
Carol Jenkins Barnett (foto: Publix Super Markets)

Carol Jenkins Barnett, filha do fundador da rede de supermercados Publix, George Jenkins, e herdeira de parte de sua fortuna na Flórida, morreu na noite de terça-feira (7) aos 65 anos, por complicações do Alzheimer’s, conforme anunciou a empresa. Ela foi diagnosticada com a doença no  início de 2016, quando  tinha apenas 59 anos. “A família Publix está profundamente entristecida pela perda de uma grande defensora humanitária e comunitária”, disse o CEO, Todd Jones, em um comunicado à imprensa. “Ela fará muita falta para sua família, nossos associados e a comunidade” completou.

Barnett tinha seis irmãos e era dona de uma participação minoritária no negócio. Ela cuidava da área de responsabilidade social da rede. Conforme disse um dos filhos dela, Wesley Barnett , ao jornal USAToday, a mãe tinha paixão por ajudar os outros, especialmente crianças. “Meus avós incutiram nela um senso de responsabilidade com sua comunidade e ela, por sua vez, ensinou isso a meu irmão, a mim e a nossas famílias por meio de seu brilhante exemplo”, falou.

A Publix Super Markets  emprega cerca de 225 mil trabalhadores em suas mais de 1,3 mil lojas espalhadas pelos EUA. A primeira unidade foi aberta em Winter Haven, na Flórida, em 1930. No ano 2020, a rede registrou vendas de $ 44.9 bilhões.  A família Jenkis detém 20% da ações, enquanto os funcionários são os acionistas controladores, com 80%. 

Carol Jenkins Barnett morreu em casa na presença da família e amigos. A doença de Alzheimer é um tipo de demência progressiva que afeta a memória e eventualmente interfere nas funções diárias. De acordo com o National Institute on Aging, penas 5% dos pacientes desenvolvem sintomas antes dos 65 anos de idade.