Herdeiro de fortuna bilionária morre ao pular no mar para salvar noiva em Key West

Diretor do grupo bancário Banesco pulou na água para salvar a noiva- que caiu do barco em que eles estavam- e foi fatalmente ferido pela hélice da embarcação

0
5655
O diretor do grupo bancário Banesco, Juan Carlos Escotet Alviarez (foto: Banesco)

Juan Carlos Escotet Alviarez morreu no sábado (12) ao ser atingido pela hélice de um barco em Key Largo, na Flórida. Ele era filho do bilionário venezuelano Juan Carlos Escotet Rodriguez, e diretor do grupo bancário Banesco, comandado pelo pai, que tem filiais em Caracas, Panamá, República Dominicana, Porto Rico, Colômbia e EUA.

Juan Carlos, de 31 anos, e a noiva Andrea Montero, de 30, participavam de uma competição de pesca no Ocean Reef Club. Ele pulou na água para salvar a noiva- que caiu do barco em que eles estavam- e foi fatalmente ferido. A mulher sobreviveu, mas sofreu uma batida na cabeça. Uma investigação foi aberta pela Florida Fish and Wildlife Conservation Comission (FWCC), para apurar detalhes do acidente. O barco em que eles estavam tem 60 pés de comprimento , de acordo com o FWCC. 

Alviarez era herdeiro de um patrimônio líquido de $3.5 bilhões, segundo a revista  Forbes. Além do Banesco, a família do jovem também é dona da rede bancária Abanca, com sede na Espanha. O casal estava de casamento marcado para novembro deste ano.