Homem é acusado de crime de ódio por ofender mulher vestida com a camisa de Porto Rico

Você é uma cidadã americana? Você não deveria estar usando esta blusa”, gritava Timothy; assista ao vídeo

0
3179
Homem foi acusado de crime de ódio por ofender mulher de Porto Rico
Homem foi acusado de crime de ódio por ofender mulher de Porto Rico

Um homem de Chicago, que foi flagrado por um vídeo gritando ofensas a uma mulher que vestia uma camisa com a bandeira de Porto Rico, foi indiciado por crime de ódio na quinta-feira (12). Este é o segundo caso este mês que crimes de ódio a imigrantes ganham as manchetes. No dia 4 de julho, um idoso de 92 anos foi violentamente atacado por uma mulher de 30 anos que gritava “volte para o México”. O caso aconteceu em Los Angeles e a mulher foi presa.

Neste incidente em Chicago, Timothy Trybus, de 62 anos, perguntava de forma agressiva por que Mia Irizarry estava usando uma camisa com a bandeira de Porto Rico e se ela era cidadã americana. O vídeo mostra o homem gritando com Mia, apontando o dedo para o seu rosto e seguindo a mulher enquanto ela tentava se afastar. Um policial que estava no local está sendo acusado de negligência por presenciar a cena e nada fazer. “Você é uma cidadã americana? Você não deveria estar usando esta blusa”, gritava Timothy.

A cena se prolongou por 10 minutos até que outros policiais chegaram ao local e prenderam o homem.  “O policial que estava no local não fez absolutamente nada, eu chamei, ele viu tudo e nada fez”, disse a mulher que gravou as cenas.

O chefe da polícia da cidade pediu desculpas diretamente à mulher envolvida no assédio. “Nós sentimos muito pelo ocorrido e estou envergonhado que um oficial tenha se comportado desta forma”. Assista ao vídeo da CBS.