ICE prende famoso rapper em Atlanta e dá início a processo de deportação

21 Savage, que recebeu duas indicações para a próxima edição do Grammy, é cidadão britânico e está ilegal no país desde 2006

0
3044
21 Savage em foto de agosto do ano passado — Foto Andrew Kelly Reute
21 Savage em foto de agosto do ano passado — Foto Andrew Kelly Reute

O rapper 21 Savage foi detido pelo US Immigration and Customs Enforcement (ICE) em operação realizada em Atlanta, na Geórgia, no domingo (3).

O rapper, que recebeu duas indicações para a próxima edição do Grammy, é um cidadão britânico nascido na ilha caribenha de Dominica que permaneceu nos EUA de maneira ilegal após a validade de seu visto expirar em julho de 2006, segundo informaram porta-vozes do escritório local do Serviço de Imigração e Controle Alfandegário (ICE, na sigla em inglês).

Sha Yaa Bin Abraham-Joseph, verdadeiro nome do rapper, chegou a ser detido em 2014 por acusações relacionados a drogas no condado de Fulton, na Geórgia.

De acordo com as autoridades imigratórias, o artista foi colocado em processo de deportação.

“O senhor Abraham-Joseph está atualmente sob custódia do ICE na Geórgia e está à espera de ser processado em um tribunal de imigração para ser deportado”, declarou a agência federal em comunicado.

Segundo a “CNN”, uma advogada do rapper, Dina LaPolt, afirmou que está fazendo os trâmites para conseguir a libertação de seu cliente e “esclarecer qualquer mal-entendido”.

“O senhor Abraham-Joseph é um modelo a ser seguido pelos jovens neste país, especialmente em Atlanta, Geórgia, e está trabalhando ativamente em programas comunitários para ajudar jovens desfavorecidos”, acrescentou LaPolt.

O rapper lançou em dezembro passado o álbum “I am – I WAS”  e em 2017 o álbum “Issa Album” como hit chamado “Bank Account”. (Com informações da Agência EFE).