Idosa de 96 anos comemora alta após contrair a COVID-19

“Tenham esperança”, disse dona Nathalina, que mora no interior de São Paulo

0
859
Nathalina Cilona, 96 anos, foi curada do coronavírus (Foto: Arquivo pessoal)
Nathalina Cilona, 96 anos, foi curada do coronavírus (Foto: Arquivo pessoal)

Em meio a tantas histórias tristes devido à pandemia do coronavírus, a da aposentada Nathalina Cilona, de 96 anos, enche a todos de esperança. Dona Nathalina deixou o hospital em São José dos Campos (SP) nesta semana após ser curada do novo coronavírus. 

Ela passou 12 dias internada na UTI de um hospital particular que tiveram fim na segunda-feira (6).

Antes de testar positivo para Covid-19, ela foi internada por conta de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ela teve alta no dia 17 de março e em seguida passou a sentir os sintomas de febre, tosse e falta de ar. Procurou o hospital novamente, realizou o teste e houve a confirmação do novo coronavírus.

“É muito difícil, mas tenham esperança. Ainda tenho dor na perna, dor no estômago um pouco. Mas estou comendo. Estou andando um pouco, devagarinho. E com muita fé”, disse Nathalina.

Sem filhos, ela segue em isolamento em casa, acompanhada da sobrinha Heloísa Zaghetto, também infectada pela Covid-19. Ela não tem sintomas graves.

Juliana, outra sobrinha de Nathalina, explica que acompanhar à distância a recuperação da tia foi o ponto mais complicador neste momento.

“Nós esperávamos as ligações do médico todos os dias. Não podia ir ao hospital. Minha tia é bem idosa, então não conseguia falar com ela por vídeo no celular, por exemplo. Isso foi angustiante. Mas graças a Deus ela está melhor, em casa e se alimentando bem”, conta. (Com informações do G1)