Imigrantes negros têm mais processos de cidadania negados que brancos, diz estudo

Estrangeiros negros têm o processo de cidadania negado com mais frequência que qualquer outra raça ou etnia

0
1166
Negros têm mais processos de cidadania negados (Foto: Canva)
Negros têm mais processos de cidadania negados (Foto: Canva)

DA REDAÇÃO – O índice de aprovação de solicitações de cidadania americana para portadores de green card é de 94% para mulheres brancas, 92% para homens brancos e abaixo de 90% para homens e mulheres negros. Quando os solicitantes são negros muçulmanos a taxa de aprovação cai para 86%.

O estudo divulgado pelo PNAS (Proceedings of the National Academy of Sciences) esta semana analisou mais de 2 milhões de aplicações para a cidadania americana entre outubro de 2014 e março de 2018 e encontrou disparidades raciais nos índices de aprovação.

As razões pelas quais os processos foram negados não foram apresentadas no estudo e essas informações são importantes para entender essa disparidade, afirma Emily Ryo professora de sociologia da USC Gould School of Law.

Apesar disso, ela disse não estar surpresa com os resultados desse estudo, já que os Estados Unidos têm histórico de uso de raça, etnia e gênero como bases de exclusão.

Em comunicado, o US Citizenship and Immigration Services (USCIS) afirma que “continua a romper barreiras no sistema imigratório e que busca restaurar a confiança dos imigrantes no sistema e tem aumentado o acesso a benefícios imigratórios àqueles elegíveis”.