Jogo da ‘Baleia Azul’ preocupa pais e autoridades no Brasil

Jogo do suicídio já provocou mortes em oito estados brasileiros

0
3376
Crianças mutilam o próprio corpo no jogo da Baleia Azul
Crianças mutilam o próprio corpo no jogo da Baleia Azul

O mortal jogo da ‘Baleia-Azul’ está deixando preocupados pais e autoridades. No Brasil, casos relacionados ao jogo já foram registrados em oito estados: São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Pernambuco, Paraíba, Rio de Janeiro e Santa Catarina. 

Depois de postar em sua página no Facebook a frase “a culpa é da baleia”, um adolescente de 17 anos tentou se jogar na quarta-feira (19) do viaduto sobre a Rodovia Marechal Rondon, em Bauru, interior paulista. O jogo viral de internet incita a suicídio e mutilações. As informações são do Estadão Conteúdo.

A origem e até a existência do suposto jogo, com 50 níveis de dificuldade, tendo o suicídio como resultado final, é polêmica. Seu nome deriva da espécie presente nos Oceanos Atlântico, Pacífico, Antártico e Índico que chega a procurar as praias, por vontade própria, para morrer.

As primeiras informações, de 2015, relatavam um jogo de incentivo ao suicídio propagado pelo Vkontakte (VK), o Facebook russo. Posteriormente, entidades denunciaram o caso como “fake news” (notícia falsa), mas o viral não para de avançar. Participantes surgem em grupos fechados, selecionados de madrugada. Na sequência, o administrador, ou “curador”, lança desafios, que já provocaram problemas em diversos países, incluindo Espanha e França.

E os casos se espalham pelo País. No Paraná, Priscila (nome fictício), de 25 anos, decidiu entrar no jogo para investigá-lo porque estava preocupada com a irmã, de 11 anos – e se assustou. “Não consegui chegar até o fim, são mensagens pesadas, que nos incitam a fazer mal para pessoas que amamos. É agressivo, intenso, mas precisei entrar para saber o perigo.”

O Paraná registrou a entrada de oito adolescentes entre 13 e 17 anos (quatro meninos e quatro meninas), na madrugada de ontem, nas unidades de saúde de Curitiba – cinco por tentativa de suicídio por medicamentos e três por automutilação. O secretário estadual de Segurança, Wagner Mesquita, afirmou que um dos jovens relatou a participação no jogo.

“Nossa investigação vai em busca dos responsáveis para enquadrá-los por incitação ao suicídio”, disse ele. O crime, previsto no artigo 122 do Código Penal, tem pena de 2 a 6 anos de reclusão. “Vamos trocar informações com outros Estados.”

Em Minas, a Polícia Civil investiga dois suicídios, o de um jovem de 19 anos, de Pará de Minas (região centro-oeste), e de um rapaz de 16 anos, de Belo Horizonte. No Rio, há dois casos de aliciamento do jogo sendo apurados pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática. 

Dicas para identificar se seu filho está jogando

Psicólogos ressaltam que é importante ficar atento aos sinais de que os filhos possam estar entrando na brincadeira ou estejam precisando de ajuda. Alguns deles são:

  • Isolamento
  • Agressividade
  • Mudança de comportamento
  • Não deixar os pais chegarem perto de seu celular ou computador
  • Usar manga comprida em dias de calor
  • Queda no rendimento escolar
  • Mudanças no padrão de sono
  • Mudanças de apetite
  • Cortes pelo corpo