Jovem de Orlando é presa acusada de esfaquear e matar a irmã por ciúmes do namorado

Fatiha Marzan, de 21 anos, planejou o crime desde o ano passado, quando descobriu uma troca de mensagens entre a vítima e o namorado

0
1975
Fatiha Marzan de 21 anos (Foto: Orange County Sheriff's Office)

Uma moradora de Orlando está enfrentando acusação de assassinato em primeiro grau por supostamente esfaquear sua irmã até a morte. O crime aconteceu no dia 26 de setembro por volta das 9:30 p.m. O xerife do condado de Orange disse que a mulher identificada como Fatiha Marzan, de 21 anos, admitiu que golpeou Sayma Marzan, de 20 anos, três vezes no abdômen.

Ela contou aos agentes que a motivação para o crime seria que a irmã estava flertando com o seu namorado. O relatório policial obtido pela imprensa relata que Fatiha teria descoberto troca de mensagens entre a vítima e o namorado pela primeira vez no ano passado. Na ocasião, ela teria pedido à irmã para parar de se comunicar com o rapaz, mas foi ignorada.

Os oficiais disseram que o crime foi premeditado. Fatiha comprou um comprou um punhal pela internet e, no dia do assassinato, esperou que todos fossem dormir para executar o plano. Sayma teria acordado após receber a primeira punhalada e gritado por socorro, acordando os pais que estavam em outro quarto.

Fatiha Marzan está presa sem direito a fiança.