Jovem é atacado por tubarão na praia de Deerfield Beach

Peter Kirn, 21, foi mordido no pé por um tubarão de 1,7 metro, da espécie Spinner Shark, por volta do meio-dia desta segunda-feira (19)

0
2982

DA REDAÇÃO – A comunidade brasileira que vive no sul da Flórida ficou assustada com a notícia de que um tubarão havia mordido o pé de um surfista na praia de Deerfield Beach, a preferida entre os brasileiros. Peter Kirn foi atacado por por volta do meio-dia de segunda-feira (19) enquanto surfava ao norte do píer com um amigo.

O surfista estava nadando com sua prancha quando sentiu algo agarrar seu pé, então ele viu o animal que teria cerca de 1,7 metro de comprimento e seria da espécie Spinner Shark. “Ele disse que sentiu a mordida e viu o animal pulando e girando na água. Ele viu que precisava sair rápido da água”, disse Mike Jachles, porta-voz do Broward Sheriff Fire Rescue. Ferido, Kim nadou até a margem e pediu ajuda. O jovem estava sangrando muito.

Kirn passa bem, mas o ataque do tubarão rendeu ao jovem um ferimento que requereu 50 pontos, dados por uma equipe médica do hospital Broward Health North. Os médicos disseram que ele vai levar essa cicatriz para sempre. O surfista nasceu em Deerfield Beach e conhece bem as condições do mar. Ele teria dito aos bombeiros que não acreditava que isso estava acontecendo com ele.

Um alerta sobre a presença de tubarões na região foi expedido por autoridades. De acordo com Rebecca Stewart, assessora de imprensa da cidade de Deerfield Beach, toda a preocupação agora é para que o surfista se recupere o mais rápido possível. Ela informou que bandeiras vermelhas foram colocadas na praia desde cedo para alertar aos banhistas que o mar estava revolto e perigoso. Surfistas só podem entrar na água com pranchas e equipamentos de segurança e banhistas só devem entrar na água até a altura dos joelhos.