Jovem é barrada em festa na Flórida por seu peso: “Nada de garotas grandes”

Fallon Melillo que se identifica como ativista contra a gordofobia disse que a empresa devolveu o dinheiro do ingresso e a impediu de entrar no local

0
3207
Fallon Melillo tem 27 anos e mora em San Antonio, TX (foto: Tik Tok)

“Foi humilhante e constrangedor”, disse Fallon Melillo, uma jovem de 27 anos moradora de San Antonio, no Texas.

Em um vídeo publicado no Tik Tok, Melillo contou que comprou ingressos para uma pool party ( festa na piscina, em português) no Daer clube do Hard Rock Hotel, em Holywood, FL, através do site Eventbrite.

O ingresso incluía translado até o local da festa e, de acordo com a mulher, ao acessar o site para conferir os horários do transporte ela se deparou com um aviso que a impedia de participar porque a organização do evento não aceitava garotas ‘acima do peso’.

“Desculpe, nada de garotas grandes para esta festa! O porteiro é rígido com aparências e se você já teve problemas para entrar em clubes exclusivos, então este não é para você! Por favor, não perca seu tempo nem o nosso pensando que podemos levá-lo para dentro se você souber que não atende às qualificações”, diz o site.

A jovem que se identifica como ativista contra a gordofobia não se intimidou com o anúncio e foi até o local, mas, segundo ela, foi mandada embora na porta por ser plus size.

“Como vocês podem ver, sou maior do que uma garota considerada normal, e eles decidiram nos dizer que não podemos entrar na festa”, lembrou ela, acrescentando que a empresa a reembolsou pelos $40 pagos na compra do ingresso,“você nunca imagina que isso pode acontecer com você”, desabafou.

Com quase 50 mil seguidores no TikTok, Melillo  está usando sua plataforma para denunciar os organizadores da festa por discriminar mulheres gordas. Em seu vídeo viral explicando a experiência, ela atingiu mais de meio milhão de visualizações.