Estados Unidos Geral

Lisa Marie, filha única de Elvis Presley, morre aos 54 anos na Califórnia

Cantora sofreu uma parada cardíaca em casa e não resistiu; ela deixa três filhas

A cantor Lisa Presley (foto: Flickr)

A cantora e filha única do cantor Elvis Presley, Lisa Marie Presley, morreu na noite desta quinta-feira (12) aos 54 anos. Ela estava internada após ter sofrido uma parada cardíaca no final da manhã. A informação da morte de Lisa foi confirmada pela mãe dela, Priscilla Presley. “É com coração pesado que eu devo compartilhar essa notícia devastadora que minha linda filha Lisa Marie nos deixou”, disse Priscila em comunicado à imprensa.

Segundo o Los Angeles County Sheriff’s Department, os paramédicos foram chamados para socorrer a cantora em sua residência na cidade de Calabasas, na Califórnia, por volta das 10:37 a.m. Eles procederam com os primeiros socorros e a levaram ainda com vida para um hospital, onde mais tarde o óbito foi confirmado. “Ela foi a mulher mais apaixonada, forte e amável que eu já conheci. Pedimos privacidade enquanto tentamos lidar com essa perda profunda. Obrigado pelo amor e pelas orações”, declarou a mãe.

Lisa foi casada e se divorciou quatro vezes, incluindo do pop star Michael Jackson e do ator Nicolas Cage. Ela teve quatro filhos com dois de seus maridos, Danny Keough e Michael Lockwood. Em 2020, Benjamin Keough, seu único filho homem com Danny Keoughu, cometeu suicídio aos 27 anos de idade.

A cantora e sua mãe compareceram na premiação do Globo de Ouro na terça-feira (10), e comemoraram o prêmio de Austin Butler por interpretar seu pai em “Elvis”, no filme sobre a vida do lendário rei do rock. Austin Butler venceu na categoria melhor ator de drama. Durante uma entrevista no tapete Vermelho, Lisa disse que a atuação foi “alucinante”. Na semana passada, ela esteve em Graceland, na mansão onde Elvis morava, em Memphis, no Tennessee, para comemorar o aniversário de nascimento de seu pai, em 8 de janeiro.

Baixe nosso aplicativo