Massagista é acusado de abusar sexualmente de cliente em Coral Springs

Aterrorizada, cliente procurou a polícia para fazer exames e foi constatado o abuso

0
12227
Massagista foi preso e liberado sob fiança
Massagista foi preso e liberado sob fiança

DA REDAÇÃO, COM SUNSENTINEL – Uma cliente de um spa em Coral Springs (FL) acusou um massagista de atos libidinosos durante uma sessão de massagem. De acordo com a ocorrência policial, a mulher comprou a massagem no site Groupon e pediu para ser atendida por uma mulher.

Ela disse que se sentiu desconfortável quando um homem entrou na sala para fazer a massagem, mas ela permitiu. O massagista, Rayniel Lazaro Hernandez Basulto, foi acusado de “tocá-la de forma inapropiada com suas mãos e com seu pênis, de beijar a boca da cliente e ejacular sobre ela”, descreveu a ocorrência policial. Ao final da sessão, o homem deu para a mulher um business card.

A mulher contou à polícia que ficou tão aterrorizada que congelou e não reagiu ao que tinha acabado de acontecer. Ela pediu para a mulher da recepção deletar seus dados pessoas, por temer que o homem soubesse seu endereço, e a atendente ainda insistiu para que ela pagasse a gorjeta do massagista.

A cliente foi até a polícia que fez um exame de corpo delito para coletar evidências do crime. Os investigadores colheram também a roupa de cama usada na sala de massagem. Um dia depois do ocorrido, a polícia prendeu Hernandez, de 32 anos, que confirmou ao detetive que fez o que a cliente denunciou.

Ele foi preso e liberado com uma fiança de $50 mil. O juiz Michael Davis também ordenou que o homem seja monitorado e que fique preso em casa.

O spa disse em comunicado que trabalha com os mais altos padrões de qualidade e com os melhores profissionais. E não fez comentários sobre o caso.