Menina de sete anos morre após inalar desodorante

Só a perícia vai dizer o que provocou a morte de Adrielly. O laudo sai em trinta dias

0
1447
Criança pode ter sido vítima de desafio online
Criança pode ter sido vítima de desafio online

A mãe da menina Adrielly, de 7 anos, que morreu no último sábado (3) em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, acredita que ela tenha inalado desodorante influenciada por um desafio entre jovens na internet. “Quem conseguir ver esses vídeos já denuncia. Criança da idade da minha não entende o que está fazendo”, disse Márcia Gonçalves ao SP1. Ela prestou depoimento à polícia nesta quinta-feira (8). “Tá doendo muito, a cada dia doendo mais”, disse a mãe.

Só a perícia vai dizer o que provocou a morte de Adrielly. O laudo sai em trinta dias. A polícia ainda vai ouvir outros parentes de Adrielly e investigar se de fato ela foi influenciada por postagens nas redes sociais.

A motorista Márcia Gonçalves, que trabalha como motorista de ônibus, disse que chegou em casa por volta de 1h. Viu a filha na cama, deitada, e achou que ela estivesse dormindo. Seguiu a rotina, tomou banho, e notou que a menina segurava um desodorante na mão. Ao se aproximar, percebeu que Adrielly estava desacordada.

A família correu com a menina para o pronto socorro. Ela deu entrada com parada cardiorrespiratória, em estado grave. Os médicos realizaram manobras para reanimá-la, mas a menina morreu minutos depois. O irmão dela, de 10 anos, contou à família que a menina, numa outra oportunidade, espirrou desodorante no cobertor e inalou.

Entre os componentes dos desodorantes, estão várias substâncias químicas fortíssimas, que podem provocar alterações no corpo, inclusive na mucosa respiratória.

E o organismo pode ter duas reações. A primeira, inflamatória, que gera irritação no local, tosse. A outra é uma reação alérgica grave, que provoca o fechamento das vias por onde o ar chega aos pulmões. E sem oxigênio, o combustível pro funcionamento do nosso corpo, a pessoa pode morrer. (Com informações do G1).