Moradora de Key Largo sofre infarto após ser agredida por vizinho

A mulher de 60 anos portava um marca-passo e teria levado um soco no peito. O suspeito está preso

0
638
Christopher Alan Costa, 56, foi preso sob acusação de agressão grave (foto: reprodução)
Christopher Alan Costa, 56, foi preso sob acusação de agressão grave (foto: reprodução)

Christopher Alan Costa, 56, morador de Key Largo foi preso na sexta-feira (13) à noite após uma briga em que os policiais disseram que ele socou uma mulher de 60 anos no peito.

A vítima que era vizinha do agressor contou aos agentes do Monroe County Sheriff’s Office que acreditava que o soco teria danificado seu marca-passo.

Um policial disse que, enquanto denunciava as agressões, ela começou a sofrer uma parada cardiorrespiratória.

O agente acionou a equipe de paramédicos e prestou os primeiros socorros realizando massagem cardíaca. Segundo o relatório dos investigadores obtido pelo jornal Local 10News, a mulher se manteve estável enquanto era transportada para o hospital.

Até esta segunda-feira (16) a condição em que ela se encontra não havia sido divulgada.

A polícia também disse que eles não têm parentesco e que o motivo da violência teria sido um desentendimento após uma terceira pessoa ter sido expulsa do condomínio de casas móveis em que moram no bloco 103000, Overseas Highway.

Christopher Alan foi preso e irá responder por agressão grave.