Moradores de Miami Gardens entram na Justiça para cancelar Fórmula 1 no Hard Rock Stadium

Preocupação dos vizinhos do estádio é de que o ruído dos carros ultravelozes perto de suas casas seja não apenas incômodo, mas possa causar perda auditiva permanente

0
1172
Evento de formula 1 está agendado para os dias 6, 7 e 8 de maio (foto: Fox Sports)

Moradores de Miami Gardens entraram com uma ação judicial para  impedir a realização do primeiro Miami Grand Prix de Fórmula 1, programado para acontecer nos dias 6, 7 e 8 de maio. A corrida será do lado de fora do Hard Rock Stadium e os ingressos já estão quase esgotados, de acordo com a organização. A preocupação dos vizinhos do estádio é de que o ruído dos carros ultravelozes perto de suas casas seja não apenas incômodo, mas possa causar perda auditiva permanente. 

O juiz Alan Fine acatou o processo do grupo de residentes e agendou uma audiência online esta semana para discutir o assunto. Ele disse que, se ficar comprovado que o evento pode causar danos inevitáveis aos moradores, ele irá considerar  questões como usar tampões para os ouvidos e orienta-los a ficar dentro de suas casas durante as corridas. Fine também irá se certificar de que eles vivem perto o suficiente para serem ameaçados de perder a audição.

A advogada do Hard Rock Stadium, Melissa Pallett-Vasquez, afirmou que um extenso sistema de mitigação de som foi instalado e todas as precauções tomadas. Ela falou que preocupações apresentadas pelos residentes de Miami Gardens“simplesmente não existem” em outros eventos de Fórmula 1 ao redor do mundo, e argumentou que não há tempo para um processo detalhado sobre o assunto. Pallett-Vasquez acrescentou que os preparativos para o evento estão muito adiantados e cancelá-lo pode resultar em uma perda econômica de $ 300 milhões.