Morre ícone da mídia brasileira em Massachusetts

Marly Domingues, mais conhecida como Babi, era muito querida pela comunidade brasileira que vive nos EUA

0
3871
Marly Domingues era muito conhecida e querida na comunidade brasileira em Massachusetts (Foto GoFundMe)
Marly Domingues era muito conhecida e querida na comunidade brasileira em Massachusetts (Foto GoFundMe)

Na madrugada de sábado (25), foi anunciada a morte de Marly Domingues, mais conhecida como Babi, que durante um longo período administrou uma das maiores revistas brasileiras nos EUA, a Fame Magazine. As informações são do Brazilian Times.

Marly morreu em Cascais, uma estância balneária em Portugal. De acordo com informações da família, ela morreu enquanto dormia. Ela tinha se mudado há pouco menos de um ano para a região, onde inaugurou a revista Fame no continente europeu.

Ela se tornou muito conhecida na comunidade brasileira porque durante vários anos, ao lado do filho, Augusto Neto, comandou a revista que circula em Massachusetts, Flórida e Angola e na Europa.

Repercussão

“Marly, mulher culta, educada, dedicada, nobre, professora, carismática, agregadora, amiga, especial, líder, guerreira e valente. Sempre gostei e gosto de você de graça. Respeito você e os seus. Não sei onde você está agora, o que importa isso, você não está mais aqui. Olha, vou ter você sempre em minhas melhores e lindas lembranças como sempre tive, nada muda e nunca vai mudar a respeito de você. Beijos do seu amigo, admirador e fã”, escreveu Paulo Monauer, jornalista e publicitário.

“Hoje amanheci com a triste notícia da passagem de minha amiga Marly Domingues, a nossa Babi. Tenho a certeza que o céu ganha hoje a sua edição mais nobre da revista Fame. Falei há pouco com meu amigo Neto (Augusto, filho dela) e entre nós ficou apenas o silêncio do não saber o que falar. Saudade é não saber. Não saber o que fazer em horas como essa. Babi era parte da minha história até seus últimos dias. Ela e Neto me representavam em Portugal e foi lá que quinta-feira Babi conseguiu um novo negócio para mim. Ela era assim, movida a negócios e os negócios a moviam. Mas o que mais movia minha amiga era o amor pelas pessoas. Como um anjo se foi durante um sonho.  Saudade é não saber vencer o silêncio deste vazio”, comentou o jornalista e radialista Beto Moraes.

Campanha beneficente

A filha de Marly, Nicky Bento, abriu uma campanha para as despesas de funeral, velório e trâmites legais. Para levantar o dinheiro, ela abriu uma página no site Go Fund Me com o objetivo de arrecadar a quantia de $5,000.

“Nossa querida Marly Domingues, mais conhecida como Babi, amada mãe, avó, bisavó, amiga e companheira nos deixou para estar mais perto de nosso Criador. Pedimos a ajuda de amigos e quem puder ajudar para os trâmites do funeral e memorial. Toda ajuda é bem-vinda e agradecemos de coração a todos que puderem ajudar”, escreveu Nicky na página da campanha.