Motorista do FedEx é descoberto tentando faturar um ‘extra’

Vladimir Bomier, de Pompano Beach, roubava celulares e outras mercadorias que deveriam ser entregues nas casas e lojas

0
2046
A polícia de Broward mostrou alguns dos produtos furtados por Vladimir Bomier (Foto: Broward Sheriff’s Office)
A polícia de Broward mostrou alguns dos produtos furtados por Vladimir Bomier (Foto: Broward Sheriff’s Office)

DA REDAÇÃO – Um motorista do FedEx, Vladimir Bomier, não estava satisfeito com o bom salário que recebia da empresa de entrega. Por isso, tentou faturar um ‘extra’, roubando parte das mercadorias que deveria repassar às residências e negócios. Mas a delegacia de Broward (Broward’s Sheriff’s Office) conseguiu elucidar o caso e apresentou alguns dos produtos roubados por Vladimir, que morava em Pompano Beach.

O ex-funcionário é suspeito de ter desviado cerca de $ 124 mil em mercadorias, como iPhones, aparelhos eletrônicos e armas. Vladimir agora enfrenta pelo menos 17 acusações, entre elas roubo e tráfico de propriedades roubadas.

O criminoso só foi descoberto depois que um outro funcionário do FedEx desconfiou de algumas atitudes de Vladimir – ele teria adulterado pacotes que seriam enviados para uma loja da Verizon, em Fort Lauderdale. Os policiais passaram a seguir os passos do entregador em veículos sem identificação e repararam que ele sempre colocava uma mochila em seu veículo pessoal antes de finalizar o seu turno.

Vladimir foi preso e confessou o crime. Ele próprio contou que costumava enviar os celulares, por exemplo, para o Haiti. Os investigadores fizeram um inventário de tudo o que foi dado como perdido nas entregas feitas entre novembro e dezembro e o total das perdas chegou a $ 123.947. Mas segundo Vladimir, o tráfico destas mercadorias ao Haiti rendeu a ele apenas cerca de $ 10 mil. Ele já foi demitido da companhia e ainda deve passar um bom tempo na prisão.