Mulher e filho são mortos em tiroteio por causa de custos de eletricidade por ex-marido

Este foi um crime sem sentido, dizem policiais do condado de Volusia (FL)

0
1624
Policiais disseram que Michael Williams, 47, atirou e matou sua ex-esposa Marsha Williams, 48, e seu filho, Robert Adams, 28, na noite de domingo (18) (Foto: Volusia County Police)
Policiais disseram que Michael Williams, 47, atirou e matou sua ex-esposa Marsha Williams, 48, e seu filho, Robert Adams, 28, na noite de domingo (18) (Foto: Volusia County Police)

Uma mulher e seu filho foram baleados e mortos pelo ex-marido da mulher no domingo (18) após uma discussão sobre os custos de eletricidade, disseram os policiais do condado de Volusia.

Segundo eles, Michael Williams
(foto), 47, atirou e matou sua ex-esposa Marsha Williams, 48, e seu filho, Robert Adams, 28, na noite de domingo por volta das 8:00 p.m.

Os policiais informaram que os dois filhos de Adams, de 5 e 6 anos, testemunharam o tiroteio, porque ele e as crianças estavam visitando Tallahassee (FL) no momento do tiroteio.

“Isso é um crime sem sentido”, disseram os deputados durante uma entrevista coletiva na manhã de segunda-feira (19).

Os policiais disseram terem sido chamados cinco vezes este ano para a casa em East Parkway, em DeLand, onde Michael e Marsha moravam, porque, em algumas ocasiões nos últimos meses, eles registraram discussões verbais sobre a propriedade e os arranjos de moradia. Mas os policiais disseram que nunca houve alegações de violência doméstica ou ameaças de violência.

Os investigadores disseram que o casal se divorciou em junho, após 10 anos de casamento e Michael tinha permissão para ficar na casa até que Marsha pudesse vender a casa e dividir os lucros.

Michael tem um histórico criminal que inclui acusações de violência doméstica, agressão a um policial e abuso infantil, mas não foi condenado por nenhuma dessas acusações.

Ele agora é acusado de duas acusações de assassinato em primeiro grau e está detido na cadeia do condado de Volusia sob fiança.