Mulher se casa com idoso por documentos e tenta matá-lo em New York

Jamaicana de 30 anos se declarou culpada por tentar matar o marido de 74 anos; segundo a polícia, o casamento era de fachada

0
1298
Jamaicana foi condenada a 15 anos de prisão por tentar matar o marido (Foto: Canva)
Jamaicana foi condenada a 15 anos de prisão por tentar matar o marido (Foto: Canva)

DA REDAÇÃO – Uma jamaicana de 30 anos se declarou culpada por tentar matar o marido de 74 anos em janeiro de 2020 em New York.

Segundo a procuradoria, os dois se casaram em 2017 e teriam que provar a agentes imigratórios que o casamento era legítimo para que Olivia Raimo obtivesse o green card. O casal se encontrou com um advogado dias antes da entrevista com a imigração e o profissional disse que “seria difícil conseguir provar que o casamento era legítimo”.

Depois disso, a jamaicana ficou nervosa e teria tentado matar o marido. De acordo com a procuradoria de Westchester County, Olivia é acusada de empurrar o então marido entre o vaso sanitário e uma parede e de cortar o pulso esquerdo da vítima com uma lâmina. A vítima perdeu os movimentos da mão esquerda.

Um vizinho ouviu os gritos e ligou para a polícia que, ao chegar na casa, encontrou o idoso sangrando muito e o levou para o hospital. A vítima passou por duas cirurgias nos tendões e acabou perdendo o movimento dos dedos.

Olivia foi presa em fevereiro de 2020 e o julgamento aconteceu esta semana. Ela foi condenada a 15 anos de prisão, que será cumprida nos Estados Unidos. (Com informações do Miami Herald)