Neiman Marcus fecha lojas em Fort Lauderdale e Palm Beach; 195 ficarão desempregados

O último dia de funcionamento dessas lojas será 12 de setembro. A empresa alega que a pandemia de coronavírus causou perdas irrecuperáveis nos negócios.

0
1141
Outras lojas do sul da Flórida como em Boca Raton, Bal Harbour e Coral Gables não estão sob avisos de fechamento (foto:pikasa)
Outras lojas do sul da Flórida como em Boca Raton, Bal Harbour e Coral Gables não estão sob avisos de fechamento (foto:pikasa)

As lojas Neiman Marcus anunciaram o fechamento permanente de suas lojas na Galleria Mall em Fort Lauderdale e na Worth Avenue, em West Palm Beach.

O último dia de funcionamento nestes locais será 12 de setembro. Pelo menos 122 trabalhadores da loja em Fort Lauderdale e 73 em Palm Beach perderão seus empregos.

A empresa, cuja matriz fica em Dallas, Texas, assinou concordata em maio passado, alegando que a pandemia de coronavírus causou perdas irrecuperáveis nos negócios. “O fechamento da loja deve ser permanente e afetará todos os funcionários”, declarou em comunicado.

A queda na Neiman Marcus começou efetivamente em 7 de maio, quando avisos de fechamento foram enviados para as lojas do sul da Flórida, uma no Hudson Yards de New York e outra em Bellevue, Wash. 

Outras lojas do sul da Flórida não estão sob avisos de fechamento como em Boca Raton, Bal Harbour e Coral Gables, bem como lojas Last Call em Sunrise e Miami.

A rede varejista Neiman Marcus possui 42 lojas de departamentos, além de  dois empórios Bergdorf Goodman, e 22 lojas Last Call.

O horário de funcionamento foi reduzido para 11am às 7pm, de segunda a sábado, e aos domingos entre meio-dia e 6pm, de acordo com informações no website.