New Jersey se recusa a entregar imigrante para o ICE e um ano depois mexicano é acusado de triplo homicídio

“Esse crime poderia ter sido evitado”, diz ICE em comunicado condenando a política de ‘santuário’ para imigrantes; crime aconteceu no Missouri

0
3161
Luis Rodrigo Peres é acusado de matar três pessoas no Missouri
Luis Rodrigo Peres é acusado de matar três pessoas no Missouri

Autoridades federais afirmam que o mexicano Luis Rodrigo Perez, de 23 anos, acusado de matar três pessoas no início de novembro no Missouri, foi liberado do presídio em fevereiro em New Jersey, contrariando os pedidos do U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE) de entregá-lo à imigração.

Segundo comunicado do ICE, Perez foi detido no condado de Middlesex County Jail em New Jersey acusado de violência doméstica em dezembro e liberado em fevereiro. New Jersey é considerado um estado ‘santuário’ para imigrantes, ou seja, não entrega presos para a imigração.

“Esta tragédia poderia ter sido evitada pela política irresponsável do condado de Middlesex”, disse John Tsoukaris, diretor do escritório do ICE em Newark (NJ). “Apesar dessas políticas, o ICE continuará a aplicar a lei federal de imigração e priorizar a segurança na comunidade”.

Perez está preso acusado de atirar e matar dois homens no dia 2 de novembro, ferir outros dois e de atirar e matar uma mulher no dia seguinte ao primeiro crime. Ele está detido sem direito à fiança.

Segundo a polícia, ele teria matado Steven Marler, de 38 anos, e Aaron Hampton, de 23, porque ele foi expulso da casa onde morava como roommate. O corpo da mulher foi encontrado com seis tiros no dia seguinte, mas não foi explicado o porquê ele é suspeito do crime.