Número de mortos sobe para 23 nas Bahamas

Furacão Dorian ainda está ativo e levando muito vento e chuvas para as Carolinas do Norte e do Sul

0
1119
Imagem da destruição nas Bahamas (Foto: Dante Carrer/Reuters)

O número oficial de mortos nas Bahamas pela passagem do furacão Dorian subiu de 7 para 23, informou na quarta-feira (5) o ministro de Saúde, Duane Sands.

Sands disse ao jornal digital “Bahamas Press” que o número de vítimas deve aumentar nos próximos dias. Segundo ele, 17 dos mortos estavam nas Ilhas Ábaco, atingidas pelo furacão no domingo. Os outros três viviam na Grande Bahama, por onde o Dorian passou na segunda-feira.

O primeiro-ministro das Bahamas, Hubert Munnis, conversou por telefone com o presidente dos Donald Trump, que expressou condolências pelas mortes provocadas pelo furacão e prometeu ajudar financeiramente o país para recuperar as áreas atingidas.

Minnis também recebeu uma ligação do primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, que se comprometeu a ajudar as Bahamas a se recuperar da tragédia.

As equipes de resgate seguem buscando por corpos e sobreviventes nas regiões mais atingidas pelo Dorian. O ministro de Segurança Nacional das Bahamas, Marvin Dames, disse que há mais de 600 policiais e fuzileiros navais na Grande Bahama. Já nas Ilhas Ábaco, cem homens trabalham na operação.

A Guarda Costeira dos Estados Unidos e ONGs também tentam levar comida e remédios aos sobreviventes.

A ONU afirma que 70 mil pessoas nas Bahamas precisam de ajuda humanitária imediatamente. A empresa norueguesa Equinor, que tem operações de óleo e gás na região, afirmou que descobriu um vazamento no solo ao lado de tanques em seu terminal nas Bahamas, mas que não é claro qual é o volume e não notou óleo no mar.

Imagens aéreas das ilhas Abado, as mais atingidas, no norte das Bahamas, mostram devastação por toda a região, em portos, lojas, escritórios, um hospital, aeroporto etc.

Muitas áreas estão sem telefones. Os residentes postaram listas de pessoas desaparecidas em redes sociais.

O Dorian chegou a matar uma pessoa em Porto Rico antes de se direcionar para as Bahamas.

Furacão Dorian

O furacão Dorian está levando para muito vento, tornados e chuvas para as Carolinas do Norte e do Sul nesta quinta-feira (5). Dorian ainda é um furacão de categoria 2 e sustenta ventos de 115 milhas por hora, localizado a 70 milhas de Charleston, na Carolina do Sul.

As áreas costeiras dos dois estados já foram esvaziadas. Uma pessoa de 85 anos morreu ao cair de uma escada colocando proteção para a passagem do furacão.

A expectativa é que Dorian se dissipe no oceano nas próximas 48 horas.