Palm Beach considera possibilidade de emitir IDs para indocumentados

Proposta é de representante do condado, com apoio de entidades pró-imigrantes e quer oferecer identidades válidas para acesso a serviços do governo

0
6844
NY já adotou a carteira de identidade para imigrantes (New York City Hall via AP)
NY já adotou a carteira de identidade para imigrantes (New York City Hall via AP)

Um grupo de advogados pró-imigrantes, com o apoio de parte do condado de Palm Beach, no Sul da Flórida, quer oferecer documentos de identificação a imigrantes indocumentados, para que eles possam acessar serviços governamentais e evitar a prisão por pequenos delitos. As informações são do Sunsentinel.

A proposta tem o apoio do condado e obteve o importante endosso da Comissão de Justiça Criminal, que reúne autoridades policiais, judiciais e lideres comunitários.

A ‘pedra no sapato’ para a aprovação é o sheriff do condado de Palm Beach, Ric Bradshaw, que afirmou que não aceitaria o cartão como identidade válida. O condado de Miami-Dade apresentou a mesma proposta em 2015, mas também não conseguiu a aprovação das autoridades policiais.

Um grupo de congregações religiosas denominado Peace está tentando aprovar o projeto no condado há mais de um ano, a exemplo de cidades com o New York, Chicago e San Francisco.

Jill Hanson, membro da Peace, afirma que não ter uma identidade causa diversos empecilhos na vida do imigrante, como abrir contas em banco, conseguir um trabalho, alugar um apartamento, ter acesso a programas sociais e pegar remédios com receita em farmácias. Em alguns casos, o imigrante sem uma identidade válida não pode nem entrar em condomínios. “Nós acreditamos que todas as pessoas são nossos irmãos e irmãs. Muitas das pessoas que frequentam as igrejas não têm documentos e vivem aqui por anos e anos. Eles pagam impostos, mas não têm nenhum retorno do governo. Vivem à margem da sociedade”, disse Hanson.

A organização ressalta que a identificação beneficiaria também moradores de rua, ex-presidiários e outras pessoas que precisam de documentos.

O commissioner de Palm Beach Dave Kerner disse estar interessado no programa de ID porque pode salvar dinheiro de pessoas que pagam impostos. Ele cita como exemplo, quando uma pessoa vai para a prisão por não ter uma carteira de motorista, isso não seria necessário quando ela tiver a ID.  “A ID não substitui a carteira de motorista, mas o portador não precisa ser preso, já que tem um documento. Ele pode ser apenas multado”, ponderou.  Kerner já assegurou $75 mil em fundos para o projeto.

Em todos os EUA, 12 estados concedem carteiras de identidade e de motorista para imigrantes, são eles, a Califórnia, Colorado, Connecticut, Delaware, District of Columbia, Havai, Illinois, Maryland, Nevada, New Mexico, Utah, Vermont, Washington.