Parques temáticos de Orlando podem abrir em junho com restrições

Condado de Orange, onde a cidade de Orlando está localizada, montou força tarefa para definir reabertura de hoteis, restaurantes, lojas e parques

0
1237
Tower of Terror é uma das atrações mais visitadas do Hollywood Studios da Disney (Foto Wikimedia Commons)
Tower of Terror (Foto Wikimedia Commons)

Os parques temáticos de Orlando, fechados desde meados de março por causa da pandemia do coronavírus, não devem reabrir até pelo menos o mês de junho. Na quarta-feira (30), o governador da Flórida, Ron DeSantis, anunciou as medidas de reabertura do Estado a partir do dia 4 de maio, mas os parques temáticos estão de fora dos planos por enquanto.

O Condado de Orange, onde Orlando está localizada, montou uma força-tarefa para reabrir de forma organizada e segura os estabelecimentos comerciais não essenciais e parques temáticos de Orlando e região.

O Orange County Economic Recovery Taks Force se reuniu esta semana para discutir o futuro dos parques da Disney e da Universal e também de hotéis, bares restaurantes e centros de entretenimento. De acordo com o prefeito do condado, Jerry Demings, uma previsão mais realista é que os parques sejam reabertos em junho.

As diretrizes para os parques temáticos preveem fitas demarcando distanciamento social de seis pés entre as pessoas nas filas, checagem da temperatura de funcionários, bem como exigência do uso de máscaras por eles; reabertura inicial de 50% da capacidade dos parques temáticos. Higienizadores de mãos estarão disponíveis perto de cada a atração e funcionários com sintomas de gripe devem ficar em casa. As medidas também preveem a limpeza de cada atração após o uso.  Vale lembrar que essas medidas são iniciais e serão discutidas novamente em um futuro próximo.

A reabertura dos parques temáticos de Orlando deve ser incluída na fase 3 do plano “Opening Up America Again” divulgado pela Casa Branca, que prevê uma queda drástica dos números de casos e mortes pelo coronavírus na região.

O condado de Orange tinha na quinta-feira (30), 1385 casos de coronavírus e 34 mortes (3% do total de mortes na Flórida).

A Walt Disney e a Universal não informaram as datas previstas para reabertura. (Com informações do blog WOO News Today).