Passageira é multada em $500 por não declarar maçã que ganhou em voo

U.S. Customs and Border Patrol alega que mulher não declarou que estava entrando nos EUA com alimento

0
4786
Passageira levou multa de $500 por maçã
Passageira levou multa de $500 por maçã

O U.S. Customs and Border Patrol multou em $500 uma passageira de um voo entre Paris e Denver, no Colorado, porque ela guardou na mala de mão a maçã que ganhou no voo da Delta Airlines. Crystal Tadlock disse à Fox que os comissários entregaram as maçãs e ela resolveu guardar para comer depois. A mala de Crystal foi uma das revistadas pela alfândega de forma aleatória.

“Ele me perguntou se a minha viagem para a França tinha sido cara e eu disse: sim. Eu não entendi porque ele estava me perguntando aquilo e daí ele falou: a viagem vai ficar ainda mais cara depois que eu te der uma multa de $500”.

A mulher disse estar frustrada com a multa, pois a maçã era claramente algo entregue pela companhia aérea. “É muito infeliz alguém tem que passar por isso e ser tratada com um criminoso por causa de uma fruta”, afirmou a mulher, que teme perder o privilégio da Global Entry – programa da alfândega que tem objetivo de agilizar a entrada nos EUA –  depois do episódio.

A Border Patrol informou que os passageiros devem informar se estão trazendo qualquer tipo fruta e vegetais para o País. (Com informações da AFP).