Patinetes high-tech comercializadas por brasileiro são hit no verão americano

Empresário brasileiro quer vender mais de 40 mil unidades

0
967

DA REDAÇÃO – Febre no verão americano, os hoverboards devem estar em muitas listinhas endereçadas a Papai Noel no próximo Natal. Um empresário brasileiro já está preparado para lucrar com isso. Silvio Oliveira é diretor da Magneto USA, empresa que comercializa, aqui nos Estados Unidos, a marca de hoverboards Smart Self.

Essas patinetes podem ser vistas aos montes pelas ruas de South Beach, em Miami, já que é um meio de transporte econômico e de fácil manuseio para curtas distâncias. Em outro formato, também pode ser usada para carregar malas por executivos, outras são skates, entre outros produtos.

Oliveira prevê um bom número de hoverboards sendo vendidos até 2016. Ele quer fechar o ano tendo vendido mais de 40 mil unidades do brinquedo, uma espécie de versão em miniatura do patinete Segway, só que sem guidão, com preços a partir de $570. “Sempre trabalhei no Brasil com automação e, principalmente, com modernizações, e quando vi o projeto da Smart Self não tive dúvidas de que queria vendê-lo. É muito interessante”, disse.

Para tornar o produto ainda mais popular, celebridades vêm aderindo a seu uso de forma espontânea e são fotografadas dando voltas nos unicycles. “Ficou ainda mais em evidência após celebridades postarem imagens nas redes sociais”, contou.

Oliveira conta que um entrave, infelizmente, o impede de levar o produto ao Brasil: a alta carga tributária. “Até tem gente vendendo lá, mas o problema ainda são os impostos de importação. Com o dólar a R$ 3,70 o produto não consegue chegar lá com valor menor que R$ 4,5 mil.”

O empresário conta ainda o que é essencial a outros brasileiros que queiram empreender nos EUA. “Olhar bem o mercado, estudar muito bem o produto e fazer o que todo empreendedor brasileiro sabe fazer de melhor: conquistar.” Mais informações sobre os hoverboards da Smart Self em magnetousa.com.