Polícia identifica suspeito de ter espancado brasileiro até a morte em Winter Park (FL)

Adolescente teria sido atingido com spray de pimenta e agredido com socos na cabeça e pontapés; ele morreu no hospital

0
18518
Roger foi espancado até a morte
Roger foi espancado até a morte

Da Redação com Wesh News – (ATUALIZADO ÀS 3:12PM) – A polícia afirma ter identificado um suspeito pela morte do brasileiro Roger Thomé Trindade, de 15 anos, que foi espancado no Park Avenue, em Winter Park (FL), cidade vizinha a Orlando, no sábado (15). Em coletiva de imprensa na tarde de terça-feira (18), a polícia de Winter Park afirmou que recolheu as imagens das câmeras de segurança do entorno de onde aconteceu a briga.

Segundo as autoridades, o suspeito é menor de idade e, por essa razão, ele não teve a identidade divulgada. A polícia acredita que haja outros envolvidos, mas ainda não efetuou nenhuma prisão. Não há nenhuma explicação, ainda, sobre o que teria motivado o ataque ao brasileiro naquela noite. Ele também estava acompanhado de um amigo que também apanhou, mas não com tanta gravidade.

A polícia informou que Roger foi atingido com socos e pontapés até cair desacordado. Ele teria sido atingido, também, com spray de pimenta. O adolescente foi levado para o hospital, mas teve morte cerebral e a família optou por desligar os aparelhos. Os órgãos da vítima serão doados.

Os amigos do adolescente lamentaram a morte de Roger. “Nós só queremos entender o que aconteceu. Só sabemos que nunca mais veremos nosso amigo de novo”, disse um estudante. “Nós temos o direito de saber o que aconteceu naquela noite. Estamos todos vivendo uma montanha-russa de emoções”.

A ocorrência policial sobre o caso está praticamente em branco. As autoridades informaram, apenas, que divulgarão novas informações sobre o caso em breve.

Família

Roger morava em Orlando com os pais, o professor universitário Rodrigo e a bacharel em moda Adriana. A irmã da vítima, Laura, 24, que ficou no apartamento da família, em Novo Hamburgo (RS), escreveu no Facebook sobre o irmão:

Depois de uma noite em claro tentando entender porque esse tipo de coisa acontece com gente do bem, com um menino que tinha uma vida toda pela frente, cheio de sonhos, tão estudioso e dedicado, apaixonado pela família, tão fofo, carinhoso, amado, só tenho elogios a fazer a ele, um menino tão forte, mas ao mesmo tempo,  tão frágil. Eu sentia que precisava proteger ele o tempo todo, como se fosse meu. E ele era, era todinho meu, quando fui visitar minha família mês passado ele passava o tempo todo dizendo “mana eu te amo demais, tu é a melhor irmã do mundo” como se fosse uma despedida, como se ele soubesse que os dias conosco estavam contados. É, a vida às vezes nos prega uma peça, ainda não consigo entender como vou viver meus dias a partir de agora, da onde vamos tirar força para aguentar os  dias sem ele, que era a alegria da nossa casa. Quando eu era pequena pedia sempre uma irmãzinha, mas Deus fez mais e muito melhor, enviou um anjo chamado Roger que viveu cada dia da sua vida intensamente e nos ensinou que devemos amar como se não houvesse amanhã. Meu irmão, pode ter certeza que tu deixou um legado, por onde passou foi amado, cativou muita gente, fez muitos amigos que assim como eu, vão sempre lembrar de ti com carinho e cada um vai levar um pedacinho teu dentro do coração. Assim como tu dizia, eu também digo, tu foi e sempre será o melhor irmão desse mundo! Obrigada por ter me escolhido para ser tua Irmã e te amar intensamente durante esses 15 anos, descansa em paz e olha por nós aí de cima!! Te amo muito”.