Policial de Miami usando máscara pró-Trump em local de votação será penalizado

“Trump 2020” and “no more bulls---” , diz a máscara do policial. O departamento de polícia informou que a atitude do agente viola a política da corporação em relação à campanha durante o serviço

0
1332
o policial pró-Trump foi identificado como Daniel Ubeda (foto: Steve Simeonidis FB)
O policial pró-Trump foi identificado como Daniel Ubeda (foto: Steve Simeonidis FB)

Um policial uniformizado foi fotografado usando uma máscara com um slogan pró-Trump em um local de votação no Government Center, em Miami, na manhã de terça-feira (20).

A foto foi postada nas redes sociais e chegou até o departamento de polícia em que o agente presta serviços.  A reação de departamento foi rápida. O chefe de polícia de Miami, que viu a foto nas redes sociais, disse que o agetel identificado como Daniel Ubeda sofrerá sanções administrativas, mas não especificou quais.

A pessoa que fotografou o policial foi o advogado e presidente do partido democrata de Miami-Dade, Steve Simeonidis. Ele disse que não dava para saber se o agente tinha ido votar ou estava fazendo a segurança do local.

 “Ele pode ter ido votar. Mas estava de uniforme completo com a máscara e uma arma. Isso é intimidação do eleitor”, disse Simeonidis ao Miami Herald.

O advogado disse que questionou o policial sobre a máscara, e “a resposta foram risos”.

A máscara usada pelo agente tinha os dizeres: “Trump 2020” and “no more bulls—”.

O departamento de polícia informou em nota que a atitude do agente viola a política da corporação em relação à campanha eleitoral durante o serviço. Além de ter linguagem ofensiva, “o que também é uma violação á política do departamento.”