Procuradora-geral da Flórida contesta política imigratória de Biden na Justiça

Ashley Moody afirma que as decisões tomadas por Biden “estão ameaçando a segurança dos americanos”

0
2061
A procuradora-geral da Flórida Ashley Moody (Foto oficial)

A procuradora-geral da Flórida, Ashley Moody, do Partido Republicano, entrou com um processo na Justiça Federal contra as políticas imigratórias implementadas pelo governo Joe Biden. Moody afirma que as decisões de Biden constituem “uma ameaça à segurança dos americanos”.

“As ações da administração Biden vão permitir que criminosos sejam soltos e que caminhem livremente, e o resultado desses crimes vai nos custar milhões de dólares em policiamento, prisão e assistência às vítimas”, alega a procuradora em processo judicial impetrado em Tampa, Flórida.

A procuradora alega que esses “imigrantes soltos ameaçam a segurança dos moradores da Flórida e que vão causar prejuízos aos cofres públicos”.

“Em poucas horas como presidente, Joseph R. Biden Jr, e membros de sua administração violaram o juramento que fizeram para a nação e falharam em proteger os cidadãos americanos, criando um pesadelo para a segurança pública”.

Em entrevista à Fox News, Moody disse que “a administração Biden está permitindo que imigrantes ilegais, como traficantes e ladrões, sejam soltos e vivam em nossas comunidades”.