Projeto conecta jovens estudantes a idosos isolados durante a pandemia na Flórida

Projeto da Florida Atlantic University (FAU) busca combater a solidão nas casas de repouso da região. Saiba como se tornar um voluntário

0
638
Ideia inicial era enviar cartas com mensagens de encorajamento aos idosos (foto: pixfuel)
Ideia inicial era enviar cartas com mensagens de encorajamento aos idosos (foto: pixfuel)

O projeto criado por Miriam Campo, assistente-executiva da vice-presidência da Florida Atlantic University (FAU), conecta jovens voluntários a idosos isolados em casas de repouso do sul da Flórida devido à pandemia de covid-19.

“Eu queria fazer algo para aliviar a solidão e a falta de contato dessas pessoas com o mundo exterior”, disse Campo em uma entrevista ao jornal The Palm Beach Post.

A ideia inicial era enviar cartas com mensagens de encorajamento para serem entregues aos idosos. Em um dia foram escritas 88 cartas.

Os alunos foram envolvidos na proposta e incentivados a trazer ideias inovadoras para o projeto. Logo, vieram os tablets comprados com dinheiro de uma vaquinha online criada pelo grupo e entregues, não somente às casas de repouso, mas hospitais e outros centros de convivência.

Além das cartas, foram organizadas lives entre os idosos e os estudantes. Eles também desenvolveram o site www.connectedthroughcaring.wordpress.com e a iniciativa ganhou um nome: “Connected Through Caring”, “Conectados pelo Carinho” em português.

Trabalhadores que atuam na linha de frente da pandemia como médicos, enfermeiros, pessoal da limpeza dos hospitais, entre outros, também foram envolvidos na rede de contatos dos estudantes.

 Aqueles que com habilidades artísticas fazem cartões com desenhos e escrevem poemas para serem incluídos nas cartas. Outros ajudam financeiramente.

Com a proximidade do Natal, o grupo espera ampliar o alcance da comunicação e busca voluntários para reforçar a equipe. Para fazer parte basta enviar um e-mail para connectthroughcaring@fau.edu.