Promotoria retira acusações contra Neymar no caso da transferência do jogador para o Barcelona

Ministério Público espanhol diz que acusação da DIS, empresa que representava Neymar, errou na jurisdição

0
605
Ministério Público espanhol retira acusações contra Neymar Jr. Foto: Reprodução CNN

A promotoria espanhola retirou, na sexta-feira (28), todas as acusações de corrupção e fraude contra o brasileiro Neymar Jr. no julgamento sobre a transferência do jogador do Santos para o Barcelona, em 2013. “Acho que o DIS tem todo direito de entender que a transferência de Neymar tinha que lhe trazer um benefício maior, mas acho que errou na jurisdição”, justificaram os promotores espanhóis sobre a decisão.

No processo, a promotoria espanhola pedia dois anos de prisão e multa de 10 milhões de euros ao jogador por supostas irregularidades no contrato com a empresa brasileira DIS, que representava Neymar à época de sua transferência para o time europeu. Segundo a empresa, o valor total do passe foi diluído em contratos fictícios e, por isso, a companhia recebeu menos do que deveria pelo passe. 

Além de Neymar, outras oito pessoas também são réus no processo, incluindo seus pais e os ex-presidentes do Barcelona Sandro Rossel e Josep Bartomeu. Apesar da retirada das acusações pela promotoria, a DIS seguirá com o processo na Espanha com acusação a todos os réus menos à mãe de Neymar. 

Após receber a notícia, Neymar se manifestou pelo Twitter. “Acredite em si mesmo e Deus mostrará o quanto és forte”, escreveu o jogador, que a partir de 20 de novembro vai liderar a seleção brasileira na Copa do Catar.