Ron DeSantis anuncia prisão de 20 pessoas por voto irregular na Flórida

Entre elas, estão imigrantes sem cidadania americana que votaram e pessoas condenadas por crimes

0
1110
Ron DeSantis em evento em Fort Lauderdale (Foto Reprodução Wear TV)

O governador da Flórida, Ron DeSantis, anunciou nesta quinta-feira (18) a prisão de 20 pessoas que votaram de forma fraudulenta no Estado, ou seja, sem autorização para exercer o direito ao voto. As prisões foram realizadas em cinco condados, entre eles, Miami-Dade, Broward e Palm Beach.

DeSantis fez um anúncio em evento realizado no tribunal de Broward em Fort Lauderdale e ressaltou que outras pessoas que votaram de forma irregular serão detidas.

Entre os presos estão pessoas condenadas por assassinato e crimes sexuais e imigrantes sem a cidadania americana que votaram. Vale lembrar que é necessário ser cidadão americano registrado para votar nos EUA. Ex-presidiários e pessoas condenadas por crimes graves não podem votar.

“Existem leis, regras e regulamentos que precisam ser cumpridos e é isso que estamos fazendo”, disse o governador a cinco dias das primárias que vão decidir quem será seu adversário nas urnas em novembro.

Segundo o governador, as prisões foram efetuadas nas regiões metropolitanas de Tampa, Orlando e Miami. Os suspeitos têm idades entre 43 e 72 anos. Essas pessoas podem ser condenadas a até cinco anos de prisão e pagamento de multa de $5 mil.