Seleção Brasileira termina preparação para Copa América

0
2030

Dois amistosos realizados recentemente encerraram os preparativos da Seleção Brasileira de Futebol antes da disputa da Copa América. O saldo dos amistosos disputados na Europa foi um tanto decepcionante para a torcida brasileira. Na cidade do Porto, o Panamá conseguiu um resultado heroico ao empatar em 1 a 1. O resultado serviu como sinal de alerta para Tite porque a seleção da América Central não representa exatamente uma potência mundial de futebol. Na segunda partida, realizada em Praga, o escrete canarinho fez um primeiro tempo bisonho e foi para o vestuário em desvantagem após o gol de Palenka para a República Tcheca. As alterações promovidas por Tite, no entanto, deram outra cara para a equipe, com as entradas de Everton Cebolinha, David Neres, Arthur e Gabriel Jesus. Firmino fez o gol de empate e Gabriel Jesus completou o placar com mais dois gols.

Alguns pontos merecem ser observados. Meio-campo de Casemiro, Allan e Paquetá não funcionou. O volante do Napoli até tem resposta a dar como primeiro, aparece de vez quando na frente, se movimenta e marca bem. Ele mais Casemiro, não dá. A saída de bola fica truncada. Bem resumido, Arthur não pode ser banco de ninguém hoje em dia na seleção brasileira. Paquetá ainda é muito verde enquanto Philippe Coutinho está em má fase, mas joga mais do que vem jogando.

Com Neymar recuperado para a Copa América, todos atacantes devem render mais. Firmino é de movimentação, precisa alternar com outro atacante na área para dar certo. Não demonstra todo seu potencial quando fica fixo à frente. Enfim, Everton e David Neres furaram fila e se inscreveram para a Copa América. O atacante do Grêmio foi ousado, tem bastante a crescer se lhe forem dadas outras chances. Vale o mesmo para o atacante do Ajax, que se apresentou bem com a camisa da seleção brasileira.

O fato de Gabriel Jesus voltar a fazer gol é promissor. Desde a Copa, seu rendimento caiu drasticamente, o que inclui seu clube. Antes, tinha sido peça fundamental na seleção de Tite em seu melhor momento. Recuperar Gabriel Jesus é ponto de partida.

Casemiro não é o homem certo para ser designado capitão. Não tem espírito de liderança e ainda é tosco algumas vezes, tendo recebido dois cartões amarelos em dois jogos contra adversários modestos. Embora em alta quando o Real Madrid estava em sua plenitude, seu futebol eficiente vem sendo questionado e pode até perder a posição para Allan, volante do Napoli.

Com a Copa América agendada para o meio do ano é tempo de Tite definir sua equipe. Os 11 jogadores que parecem sair na frente são estes: Alisson, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro ou Allan, Arthur e Philippe Coutinho; Gabriel Jesus, Firmino e Neymar. Vale lembrar que destes selecionados apenas Thiago Silva pode ser considerado “veterano”. Outros jovens Também estão pedindo passagem: Vinicius Jr., David Neres, Everton “Cebolinha”, Lucas Paquetá, entre outros.

Tite está vivendo dias de turbulência como não se imaginava um ano atrás. Precisa tornar seu texto menos previsível e, mais importante, encontrar soluções para seu time vencer convencendo. Em caso de campanha decepcionante, ele pode até mesmo ser demitido e não dirigir a Seleção Brasileira na Copa de 2022 – o que pode não ser a melhor alternativa porque Tite e sua comissão técnica tem vários relatórios dos atletas testados. Sua saída implicaria a chegada de uma nova comissão às vésperas das Eliminatórias da América do Sul. E recomeçar pode não ser a solução.

Os quatro grandes decidem o Paulistão

A Federação Paulista de Futebol divulgou na quinta-feira (28) as datas e os horários das partidas das semifinais do Campeonato Paulista. Os confrontos são São Paulo x Palmeiras e Corinthians x Santos. Como era esperado e até desejado pela Federação Paulista de Futebol, os quatro principais clubes do estado estão nas semifinais. O Palmeiras, por ter a melhor campanha, tem a vantagem de decidir em sua casa no duelo contra o São Paulo, e o Santos também decide diante de sua torcida por ter feito melhor campanha do que o Corinthians.

Veja abaixo os duelos:

Jogos de ida:

São Paulo x Palmeiras: sábado (30), 5PM, Morumbi

Corinthians x Santos: domingo (31), 3PM, Arena Corinthians

Jogos de volta:

Palmeiras x São Paulo: domingo (07), 3PM, Allianz Parque

Santos x Corinthians: segunda-feira (08), 7PM, Pacaembu

Palmeiras goleia e está nas semifinais do Paulistão

O time do Palmeiras finalmente desencantou em 2019. Todos concordam que o Verdão possui um dos melhores elencos, porém, não vinha mostrando o futebol que encanta seus torcedores. Isto mudou, no entanto, na noite de terça-feira (26) no Estádio do Pacaembu. Após ter sofrido no primeiro jogo das quartas de final em Novo Horizonte, onde apenas ficou no empate em 1 a 1, o Alviverde simplesmente demoliu o Novorizontino – que é uma equipe bem montada – e aplicou uma goleada de 5 a 0, com dois gols de Gustavo Scarpa, Felipe Melo, Ricardo Goulart e Dudu.

A equipe paulistana definiu o jogo nos 10 minutos iniciais, com dois gols de cabeça (Felipe Melo e Ricardo Goulart) após cobrança de escanteios efetuadas por Dudu. Na segunda etapa, dois pênaltis assinalados com auxílio do VAR foram determinantes e as cobranças de Scarpa e Dudu configuraram uma goleada, completada pelo chute de esquerda de Scarpa.

Analisando friamente, o Palmeiras criou o mesmo número de oportunidades de gols das outras partidas. Comparativamente, na primeira partida das quartas de final contra o mesmo adversário, o Verdão também havia criado duas chances nos 10 primeiros minutos de partida. Entretanto, naquela ocasião, o centro-avante Borja desperdiçou as chances e fez com que o Novorizontino crescesse na partida. Isto resultou em uma partida tensa que o Verdão esteve perto de ser derrotado. O clube do interior abriu o placar e teve chance de fazer 2 a 0, após um pênalti assinalado pelo árbitro e defendido por Fernando Prass. Felipão, cansado da ineficiência de Borja, o substituiu por Arthur Cabral que ainda não havia estreado com a camisa do Palmeiras. O ex-atacante do Ceará anotou o gol de empate e deu alívio aos palmeirenses. No jogo de volta, Felipão escalou Deyverson e depois colocou Cabral em campo, sinalizando que Borja precisa melhorar se quiser voltar a ser titular.

Santos empata e se classifica

Além do Palmeiras, o Santos também se classificou para as semifinais do Paulistão. Teve o mérito de eliminar o Red Bull Brasil, dono da melhor campanha na fase de grupos.

O Santos tinha uma boa vantagem contra o RB Brasil e poderia até perder por um gol de diferença que passaria de fase, fruto da vitória por 2 a 0 obtida no jogo de ida. O natural, para a partida de volta, era um time armado para administrar a vantagem e não correr muitos riscos ao se lançar ao ataque. Não foi o que aconteceu.

O técnico Jorge Sampaoli montou sua equipe taticamente da mesma forma como no jogo de ida: para sufocar a saída de bola do adversário e tentar aproveitar os erros cometidos. O 0 a 0, porém, não saiu do placar. O cenário foi basicamente o mesmo do primeiro confronto: o Santos amassou o RB Brasil no primeiro tempo e poderia facilmente ter aberto o placar, como destacou Sampaoli: “Atacamos muito. Ritmo intenso. Deveríamos ter três ou quatro de diferença. Jogamos dois jogos impressionantes contra o RB Brasil”.

Na semifinal, Sampaoli contará com os retornos de Cueva, Soteldo e Derlis González, que defenderam suas respectivas seleções na data Fifa. Serão reforços importantes para a reta final do estadual. O retorno dos gringos ampliará o leque para novas alternativas a serem testadas por Sampaoli nos dias restantes de treino. A tendência é que Derlis González, principal jogador do time na temporada, volte ao time titular. E Sampaoli ainda ganhará outro reforço, com o empréstimo de Jorge, ex-lateral do Flamengo, que tem seu passe preso ao Monaco, da França.

Tricolor mostra bom futebol e se garante nas semis

O São Paulo está classificado para as semifinais do Campeonato Paulista. Depois de vencer o primeiro jogo por 2 a 1, o Tricolor voltou a bater o Ituano, agora por 1 a 0, na quarta-feira (27), em Itu, e assegurou a vaga.

Os meninos do CT de Cotia voltaram a ser determinantes para a vitória do São Paulo. Antony teve boa atuação, principalmente no segundo tempo, quando abriu espaço pelo lado direito. Liziero decidiu o jogo ao bater rebote de finalização de Pablo.

O técnico interino Vagner Mancini falou sobre a classificação do São Paulo às semifinais do Paulistão depois da vitória por 1 a 0 sobre o Ituano, nesta quarta-feira, em Itu – no primeiro jogo, no Morumbi, o Tricolor já tinha vencido por 2 a 1. O time agora enfrenta o Palmeiras. Para ele, a equipe deu “uma liga muito forte”.

Mancini valorizou, por sinal, a personalidade dos garotos que comandaram o São Paulo nas quartas de final contra o Ituano: Luan, Liziero, Igor Gomes e Antony.”Além de mostrar maturidade no tempo certo, eles acabaram dando o respaldo necessário para toda a equipe jogar”.

Para reforçar a equipe, o São Paulo acertou o retorno de Alexandre Pato. O Tricolor venceu a disputa com Palmeiras e Santos pelo atacante e conseguiu viabilizar o retorno do jogador para uma segunda passagem pelo Morumbi.

O contrato será válido até dezembro de 2022. No primeiro ano, Pato receberá um salário mais baixo do que no restante do período. Depois, para as temporadas seguintes, o valor será reajustado. O clube fará ao jogador o ressarcimento dos 2,5 milhões de euros (R$ 11 milhões) que ele desembolsou para rescindir seu vínculo com o Tianjin Tianhai, da China – esse valor será diluído ao longo do contrato. Na visão da diretoria tricolor, esse montante equivale ao esforço que o clube teria que fazer para contratar o atleta caso ele estivesse com contrato vigente em outra equipe.

O jogador não poderá atuar no Campeonato Paulista, já que o prazo para a inscrição de novos jogadores terminou no dia 22 de março. Ele deve estar à disposição para a estreia no Brasileirão, dia 28 de abril, contra o Botafogo, no Morumbi.

Timão se apoia na mística para ir à final

Dos quatro classificados para as semifinais do Paulistão, o Corinthians foi quem jogou pior nas quartas. Contra a Ferroviária, o Timão foi mal nas duas partidas, mas garantiu a classificação nos pênaltis.

Apesar das duas atuações decepcionantes, o Corinthians dá motivos para a Fiel torcida seguir confiante na conquista do tricampeonato estadual. Invicto há 12 jogos, o Timão já mostrou que cresce em jogos grandes, tanto que não perdeu clássicos nem jogos de mata-mata nesta temporada.

Essa “casca” será importante contra o Santos de Jorge Sampaoli, sensação neste início de ano, mas só isso não bastará. É preciso corrigir erros e jogar muito mais se quiser levantar a taça do Paulistão pelo terceiro ano seguido.

Diante da Ferroviária, mais uma vez o Corinthians apresentou lentidão na transição da defesa para o ataque, embora tenha criado mais do que no jogo em Araraquara. Vale lembrar que o Alvinegro não conseguiu derrotar a Ferroviária no tempo normal. Após dois empates em 1 a 1, em Araraquara e São Paulo, a vaga veio apenas na série de pênaltis, com o time da casa convertendo quatro penalidades e a equipe visitante apenas três.

No Fla x Flu, deu Flamengo

Flamengo pretende colocar quase todo o time reserva na final da Taça Rio, marcada para domingo (31), por já estar classificado para as semifinais do Campeonato Carioca e estar de olho na Libertadores, além da preocupação com Abel Braga internado com arritmia. A vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense garantiu esta vantagem.

Provável Flamengo para o jogo de domingo (31) na final da Taça Rio: César; Rodinei, Rhodolfo, Thuler e Trauco; Cuéllar e Hugo Moura; Arrascaeta, Vitinho e Lucas Silva; Uribe. A opção do Flamengo em usar time reserva passa por dois motivos principais. O primeiro é evitar que a equipe fique desgastada para o jogo decisivo contra o Peñarol, na quarta-feira (3), pela terceira rodada da Libertadores. O segundo é o fato de o Rubro-Negro já estar classificado para as semifinais do Campeonato Carioca.

Inter é derrotado mas vai às semis

O Inter entrou em campo na quarta-feira (27) com a vaga na semifinal do Gauchão praticamente em mãos, graças à vitória por 2 a 0 no jogo de ida. A vantagem confortável, porém, trouxe um efeito colateral que ameaçou uma classificação encaminhada. A equipe viveu uma noite do “não”, jogou pouco e amargou uma derrota por 1 a 0 para o Novo Hamburgo, no Beira-Rio, pela volta das quartas de final do estadual.

A combinação do duelo de 180 minutos manteve o sonho do título do Gauchão vivo. Mas o resultado tão adverso teve repercussões que vão além da má atuação e das vaias tímidas que ressoaram das arquibancadas após o apito final. Passados menos de três meses do ano, o Inter já repetiu o mesmo número de derrotas no Beira-Rio de toda a temporada de 2018.

Cruzeiro 100% na Libertadores

Duas vitórias em dois jogos. O Cruzeiro atingiu 100% de aproveitamento no Grupo B da Copa Libertadores após bater o Huracán (1 a 0, no El Palacio, em Buenos Aires, na Argentina) e o Deportivo Lara (2 a 0, na quarta-feira, no Mineirão), e ficou em situação confortável no Grupo B da competição. A vitória sobre a equipe venezuelana garantiu a Raposa na liderança da chave pelo menos por mais uma rodada, já que o time soma seis pontos, contra dois do Emelec e um de Huracán e Lara. A equipe de Mano Menezes repetiu o feito cruzeirense na Libertadores de 2011, última vez em que venceu nas duas primeiras rodadas.

Adeus a Rafael Henzel

Parece até roteiro de filme, mas Rafael Henzel, radialista da rádio Oeste Capital FM, faleceu de ataque cardíaco na terça-feira (26) à noite, vítima de um ataque cardíaco quando jogava futebol com os amigos em Chapecó, Santa Catarina. A notícia chocou porque ele foi um dos poucos sobreviventes do trágico acidente em dezembro de 2016 com o voo que levava a delegação da Chapecoense para a Colômbia. por ironia do destino, porém, ele não conseguiu viver nem 1.000 dias a mais aqui na Terra. Agora, foi se juntar aos companheiros que partiram há pouco mais de dois anos. Desejamos pêsames à família de Rafael Henzel.