Sobe para 38 o número de mortos pelo Harvey no Texas

Chuva já deu trégua mas cidade de Houston parace um lago

0
1140

A tempestade tropical Harvey já provocou a morte de 38 pessoas, informou a rede CNN nesta sexta-feira (1). Quatro novas mortes foram confirmadas na área de Houston. Seis integrantes de uma mesma família morreram dentro de uma van coberta pela água.

O fenômeno natural tocou o Texas na última sexta-feira (25), em categoria 4 de uma escala até 5, mas já perdeu força e foi rebaixado para tempestade tropical. Mesmo assim, continua provocando danos, com chuvas torrenciais e enchentes catastróficas, e seguindo para o estado de Louisiana.

O governador do Texas, Greg Abbott, disse que o pior ainda não passou porque ainda há muitos fatores de risco. Na quarta (30), por exemplo, dois voluntários morreram eletrocutados na água. Outros dois que estavam no mesmo barco continuam desaparecidos.

Os fios soltos estão por todo lado. A água misturada ao esgoto tem alto potencial de contaminação e visitantes inesperados acabam aparecendo no quintal de casa: um jacaré, cobras e grandes colônias de formigas-de-fogo, que sobrevivem à água.

Mais de dez mil servidores federais estão no Texas para ajudar nos resgates. O presidente Donald Trump disse que vai doar do próprio bolso $1 milhão para ajudar as vítimas.  O vice-presidente Mike Pence chegou nesta quinta ao Texas para avaliar a rota de destruição do Harvey.

No discurso, Pence disse que o povo americano e o mundo ficaram paralisados com as imagens de destruição e sofrimento, e também com a resiliência do povo do Texas e da Louisiana.

O Harvey também afetou, ao longo da semana, empresas de petróleo no Texas, fazendo o preço da gasolina subir. Além disso, o jornal “Detroit News” contabilizou um prejuízo de 300 mil a 500 mil veículos e caminhonetes alagados pelas enchentes no Texas. Isso gera um impacto direto no mercado automotivo, como ocorreu em 2012 com a passagem do furacão “Sandy”, e em 2005, com o “Katrina”.

Mas o governador do Texas, Greg Abbott, admitiu que os estragos causados pelo “Harvey” são bem maiores que os dos furacões passados. (ANSA)

Veja aqui como ajudar as vítimas de Harvey no Texas

O governador Greg Abbott  recomendou aos que quiserem ajudar que contribuem para a Cruz Vermelha Americana, mas há outras organizações empenhadas na ajuda aos desabrigados pela catástrofe.

Exército da Salvação, Save the Children, Southern Baptist Disaster Relief, Heart to Heart e Samaritan’s Purse são algumas instituições que estão levantando fundos para a ajuda e atuando nos esforços de resgate. O Texas Diaper Bank está enviando kits para necessidades dos bebês na região.

O Feeding Texas, rede de distribuição de alimentos, e a Houston Press, organizaram uma lista com locais de distribuição de alimentos básicos nas áreas mais castigadas pelo furacão. A lista inclui Houston Food Bank, Galveston Food Bank, Corpus Christi Food Bank e San Antonio Food Bank, entre outros.

A Airbnb disponibilizou uma página com uma lista de acomodações de emergência, para que os desabrigados encontrem um local de abrigo temporário, com a ajuda de pessoas que estão oferecendo seus espaços gratuitamente.

Uma lista das iniciativas individuais relacionadas ao furacão pode ser encontrada na página at GoFundMe’s Hurricane Harvey. A Global Giving, outro site de arrecadação de doações, pretende levantar $2 milhões em ajuda.

Organizações de proteção aos animais estão concentradas na busca, resgate e abrigo de animais domésticos. The Humane Society, a SPCA of Texas e seus abrigos associados precisam de dinheiro, suprimentos, comida e voluntários que queiram abrigar os pets.

Doações de sangue podem ser feitas através de Carter BloodCare, We Are Blood e South Texas Blood & Tissue Center. Todas são baseadas no Texas.

Tempestade Tropical Harvey deixou Houston embaixo dágua (Photo by Robert Gauthier/Los Angeles Times via Getty Images)