Taxas de imigração do USCIS têm reajuste de até 535%

Obtenção da cidadania, autorizações de trabalho e viagem, e asilo estão entre os pedidos mais populares que tiveram a maior sobretaxa. A nova tabela de preços entra em vigor dia 2 de outubro.

0
3142
Reajuste será em quase todos os processos e petições imigratórias (foto: pikist.com)
Reajuste será em quase todos os processos e petições imigratórias (foto: pikist.com)

Após pressionar o Congresso para liberar um empréstimo de $1,2 bilhão e ameaçar demitir mais de 13 mil funcionários, o US. Citizenship Immigration Services (USCIS) resolveu dividir a conta da crise financeira causada pela pandemia de Covid-19 com os imigrantes. 

Nesta sexta-feira (31) o órgão anunciou um reajuste em quase todas as petições e processos, que começarão a ser cobrados a partir do dia dois de outubro. 

Em alguns casos, como a obtenção da cidadania americana, o aumento será de 83%, passando de $ 640 para $1,170 , e nos casos das solicitações de asilo, que atualmente são gratuitas, será cobrada uma taxa de 50 dólares. Com a cobrança, os EUA se juntam ao Fiji, Irã e Austrália como os únicos países do mundo a exigirem que os imigrantes paguem para buscar refúgio legal.

Os pedidos de autorização de trabalho, formulário I-765, incluindo para requerentes de asilo, também aumentarão 34%, e as aplicações para autorização de viagem saltaram de $360 para $575.

Já os empreendedores estrangeiros que queiram investir nos EUA agora terão que desembolsar $ 17,795 pelo formulário I-924, em vez de $ 6,230 . Um aumento de brutal superior a 200%. O teto do reajuste, porém, ficou com os processos de suspensão de deportação, que subiram 535% – de $ 285 para % 1,810.

Joseph Edlow, diretor de políticas do USCIS, disse que “esses ajustes ‘atrasados’ ​​ são necessários para administrar de maneira eficiente e justa o sistema legal de imigração dos EUA, e proteger os americanos”.

Críticos  e ativistas dos direitos dos imigrantes afirmam que a ideia por trás do aumento é dificultar que os estrangeiros de baixa renda obtenham status legal. “É um esforço flagrante de reduzir a imigração e a nova cidadania americana” disse Doug Rand, que assessorou o presidente Obama e co-fundou a empresa de assessoria em processos migratórios, Boundless, com sede em Seattle.

Devido às restrições impostas pela pandemia de Covid-19, os escritórios de imigração passaram dois meses de portas fechadas, e a arrecadação das taxas que mantém a organização funcionando despencaram. 

Ao reabrir em junho e pedir apoio financeiro ao governo, a agência já havia previsto repassar o prejuízo aos peticionários de benefícios migratórios, com uma proposta inicial de taxar todos os processos e petições em, no mínimo 10%, para pagar o empréstimo federal. A versão publicada na última sexta-feira é a regra final, da proposta de aumento que começou a ser desenhada ano passado.

Pela lei, os aumentos das taxas de imigração podem ocorrer a cada dois anos. A última atualização das tarifas foi no ano fiscal 2017, com um aumento médio de 21%.

Entre as formulários mais utilizadas afetados pelo aumento das taxas estão:

I-765, Pedido de autorização de emprego ( Aumenta 34%, de US $ 410 para US $ 550).

I-131A, Pedido de documento de viagem (documento de transporte). Aumenta 76%, de US $ 575 para US $ 1.010.

I-881, Pedido de Suspensão da Deportação ou Cancelamento da Remoção. Aumento superior a 500%, passando de $ 285 para $ 1.810.

I-751, Petição para cancelar condições de residência. Aumenta 28%, de $ 595 para $ 760.

Clique aqui para acessar a tabela completa com novos valores.