Família de adolescente entra com processo judicial contra o Universal Volcano Bay

Família alega que adolescente de 13 anos sofreu danos no cérebro depois de cair de uma boia no parque aquático

0
5270
Universal Volcano Bay
Universal Volcano Bay

A família de uma adolescente de 13 anos de New Jersey entrou com um processo na Justiça contra o parque aquático Universal Volcano Bay, alegando que menina caiu de uma boia e sofreu danos no cérebro. As informações são do Orlando Sentinel.

O processo na Justiça busca pelo menos $15 mil e foi impetrado pelo pai da menina, William McIntyre, contra a NBCUniversal Media, responsável pelo parque. Na época do incidente, o parque estava em operação há apenas três meses (agosto de 2017).

A menina identificada como ‘A.M’, segundo o documento, teve a visão prejudicada, dores de cabeça intensas e tontura, além de outros problemas de saúde em consequência da queda. Eles alegam que o parque tem segurança falha. A menina teria caído da boia em uma espécie de toboágua e outra adolescente colidiu com a jovem, ‘tendo sido resgatada por debaixo da boia e quase se afogou’.

A Universal não divulgou em seu boletim trimestral a ocorrência com essa jovem. Os parques de Orlando divulgam as ocorrências de incidentes dentro dos parques que requerem hospitalização.