Universidade da Flórida pede desculpas públicas a alunos negros retirados do palco em formatura

Alunos estavam celebrando a graduação e foram retirados bruscamente do palco; eles acusam a UF de racismo

0
2587
Alunos foram retirados de maneira brusca do palco
Alunos foram retirados de maneira brusca do palco

O dia mais importante da vida universitária de um estudante é o dia da sua colação de grau, quando ele celebra o resultado de todo o esforço. A University of Florida (UF), com sede em Gainesville, se viu numa grande polêmica esta semana depois que um funcionário da escola se apressou em retirar do palco os alunos que celebravam no palco a formatura, com uma ‘dancinha’ rápida. Os alunos retirados são, em sua maioria, negros e se sentiram ofendidos com a atitude da universidade. E diversos vídeos do momento se espalharam na rede.

A UF pediu desculpas publicamente aos alunos. “A universidade tem orgulho das atividades de todos os seus alunos e se desculpa que qualquer celebração tenha sido interrompida na cerimônia de graduação”, escreveu a universidade na página oficial no Twitter.

O reitor da UF, Kent Fuchs, também se desculpou publicamente. “Durante a cerimônia do fim de semana, fomos inapropriadamente agressivos em retirar os alunos do palco. Eu peço desculpas e vou falar com cada estudante envolvido. Isso não vai mais acontecer nos próximos eventos”, disse o reitor.

Nafeesah Attah, uma das estudantes que foi retirada do palco, disse que a dança simbolizava um gesto e um tributo à sua irmandade. “Ele me empurrou de forma agressiva e colocou suas mãos em mim, tirando de mim aquele momento de celebrar minha formatura”. (Com informações da CNN).