Venezuela pode ser suspensa do Mercosul por ruptura democrática

Venezuela rejeitou a tentativa do bloco de estabelecer um diálogo entre governo e oposição, com o intuito de restabelecer a democracia

0
1325
Protestos na Venezuela
Protestos na Venezuela

A Venezuela deverá ser suspensa do Mercosul neste sábado (5), em uma reunião extraordinária de chanceleres convocada pela Presidência, informaram fontes diplomáticas. O encontro ocorrerá no Brasil, em São Paulo. A medida corresponde à punição máxima prevista no Protocolo de Ushuaia, que determina os compromissos do bloco econômico com os princípios democráticos.

Para que a suspensão ocorra, é preciso que haja consenso entre os quatro sócios: Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Em entrevista concedida ao Estado no dia 31, o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, avaliou que não deverá haver polêmica, pois a reunião vai basicamente constatar o fato de que foi rejeitada a tentativa do bloco de estabelecer um diálogo entre governo e oposição, com o intuito de restabelecer a democracia na Venezuela.

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, recusou um convite formulado pelo Mercosul para dialogar com a oposição no Brasil, país que atualmente exerce a presidência do bloco econômico. A oferta de intermediação funcionou como a etapa de consultas prevista no Protocolo de Ushuaia. O passo seguinte é a suspensão.

ONU pede fim das tensões politicas

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, pediu negociações políticas urgentes entre o governo da Venezuela e a oposição em um esforço para conter a escalada das tensões políticas.

“O secretário-geral faz um apelo a todos os venezuelanos, particularmente aqueles que representam os poderes do Estado, para que façam todos os esforços possíveis para reduzir tensões, evitar mais violência e perdas de vidas, assim como para encontrar caminhos para o diálogo político”, declarou o porta-voz da ONU Stephane Dujarric em comunicado, acrescentando “o único caminho adiante é o do diálogo político”.