Volta às aulas: Broward e Miami-Dade marcam datas para a retomada do ensino

A volta às aulas nesses dois condados será 100% online e em datas diferentes. Os superintendentes de educação concordam que o sul da Flórida ainda não está pronto para reunir as crianças nas salas de aula.

0
1263
Famílias de baixa renda que não possuem computador e internet, podem solicitar ajuda aos distritos escolares (foto: peles)
Famílias de baixa renda que não possuem computador e internet podem solicitar ajuda aos distritos escolares (foto: peles)

Devido à pandemia de Covid-19, as escolas do Condado de Broward começarão com aulas 100% on-line em 19 de agosto, e Miami-Dade fará o mesmo a partir de 31 de agosto. Os superintendentes dos dois distritos dizem que não estão descartando a possibilidade de os alunos retornarem à sala de aula este ano. Ao contrário, ambos afirmaram que irão reavaliar a volta das aulas presenciais em outubro.

1º de outubro é a data estipulada pelo condado de Broward para começar a avançar em direção a um modelo híbrido de ensino. Em que os alunos estudam parte da semana em casa e parte na escola, até que as aulas presenciais sejam totalmente seguras.


“O início de outubro é cerca de três semanas antes do final do primeiro período e início do segundo. Isso nos daria tempo para mudar para o nosso modelo híbrido, e avaliar melhor as consequências de cada formato de ensino”,  disse o superintendente das Escolas de Broward, Robert Runcie, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira. (3)

O superintendente de Miami-Dade, Alberto Carvalho, está de olho em um cronograma semelhante.

“Vamos reavaliar as condições por volta de 30 de setembro sobre um possível retorno presencial nas escolas”, disse ele.

O sul da Flórida ainda não está pronto

Runcie e Carvalho concordam que o sul da Flórida ainda não está pronto para reunir as crianças nas salas de aula, e que eles continuarão acompanhando a evolução dos casos de Covid-19 para concluírem quando será o momento apropriado para reabrir as escolas.

“O objetivo é que a taxa de infecção na comunidade seja menor que 5%. No Condado de Broward, essa taxa é de 15%”, disse Runcie.

O sul da Flórida, que responde por 29% da população total do Estado, tem mais de 480 mil casos de Covid-19 e mais de 7 mil mortos, de acordo com dados do Departamento de Saúde.

O condado de Broward totaliza 56.797 infectados, com 767 óbitos registrados até esta segunda-feira (3). Palm Beach tem 33.854 casos e 848 óbitos, e Miami-Dade, 121.207 infectados e 1.663 mortes.