Voluntária é expulsa de escola em Orlando por ter participado de sites adultos

Mulher entrou com processo judicial contra a escola e pede um indenização de um milhão de dólares em danos morais

0
3405
Triece é mãe de duas crianças que frequentam a escola da qual ela foi banida (foto: Reprodução Local 10 News)
Triece é mãe de duas crianças que frequentam a escola da qual ela foi banida (foto: Reprodução Local 10 News)

Victoria Triece, 30, informou que tem atuado como  voluntária da ADDitions School na Sand Lake Elementary School, em Orlando, FL, nos últimos cinco anos. Na semana passada, ela disse que foi informada pela direção da escola de que não poderia mais trabalhar no local devido à sua participação em sites adultos.

Triece é mãe de duas crianças de 5 e 10 anos que frequentam o Sand Lake Elementary e não tem antecedentes criminais. Ela entrou com um processo judicial contra a escola e pede um indenização de um milhão de dólares por danos morais.

“Não cabe a ninguém julgar o que outra pessoas faz em sua vida privada”, disse Triece. “Se eu não estou machucando ninguém e não estou afetando o dia-a-dia de ninguém, então qual é o problema?”, indagou.

Os advogados da mulher, segundo reportou o Orlando Sentinel, estão pedindo, além do dinheiro, que ela tenha sua posição de voluntária restabelecida na instituição de ensino.

Eles alegam que a base da indenização inclui negar a ela o direito de participar da vida de seus filhos, e “ter sido humilhada sem nenhuma razão que não seja ofender a sensibilidade moral de outra pessoa pelo que ela faz em particular ”.

O caso ainda será avaliado por um corte judicial. A ADDitions School na Sand Lake Elementary School ainda não se pronunciou sobre o assunto.