Adriana Calcanhotto faz shows na Califórnia nos dias 18 e 20

Cantora traz show intimista, de voz e violão, em que interpreta canções que marcaram sua carreira bem como composições inéditas

0
655
Turnê traz grandes sucessos da cantora, como
Turnê traz grandes sucessos da cantora, como "Devolva-me" (Foto: Divulgação)

Em meio ao calor tórrido de um verão que parece não acabar, a Califórnia recebe uma voz elegante e melodiosa, que promete momentos de poesia e romance bem brasileiros. A cantora gaúcha Adriana Calcanhotto se apresenta nos dias 18 e 20 deste mês, em Los Angeles e San Francisco.

É uma rara oportunidade de conferir de perto o trabalho da cantora, que atualmente é professora de composição musical na Universidade de Coimbra, em Portugal. A última vez que viajou em turnê pelos EUA, com ingressos esgotados, foi em 2019.

Desta vez, Adriana vem com um show mais intimista, de voz e violão. Entre as músicas que farão parte do repertório estão faixas que marcaram sua carreira, como “Esquadros”, “Mais Feliz”, “Devolva-me”, “Mentiras” e muitos outros, além de “Veneno Bom” – que foi a composição premiada com Menção Honrosa no International Songwriting Competition (ISC) em 2020, “Flor Encarnada” e algumas canções inéditas.

Duas vezes vencedora do Latin Grammy, Calcanhotto iniciou sua carreira em meados dos anos 80 e já lançou mais de 20 álbuns, muitos deles alcançando o status de ouro ou platina. Nas últimas três décadas, suas músicas se tornaram trilha sonora de inúmeras novelas da Globo, alcançando o grande público e formando uma legião de fãs. 

Em Los Angeles, a apresentação está marcada para domingo (18), às 20h, no Teragram Ballroom, em Downtown (1234 W 7th St, Los Angeles, CA 90017), com entradas a partir de 45 dólares mais taxas. A noite abre com apresentação do pianista e compositor carioca Marcos Ariel, com o melhor da bossa nova e do jazz brasileiro. Também conta com as picapes bem brasileiras da DJ Potira.

Em San Francisco, o show acontece na terça-feira (20), às 19h, no The Guild Theatre (949 El Camino Real, Menlo Park, CA 94025). Ingressos a partir de 46,61 dólares. Onde comprar: https://braziliannites.com.

Ingressos para Milton Nascimento estão à venda

Turnê de Milton Nascimento pelos EUA (Foto: Divulgação)
Turnê de Milton Nascimento pelos EUA (Foto: Divulgação)

Uma das vozes mais marcantes da música popular brasileira, o cantor Milton Nascimento, faz turnê de despedida pelos EUA no próximo mês.

Ele se apresenta nas seguintes cidades: Orlando (29/set) e Ft. Lauderdale (01/out), ambas na Flórida; Alexandria (04/out), na Virgínia; Nova York (06/out); Boston (09/out), em Massachusetts; Los Angeles (13/out); e Berkeley (16/out), ambas na Califórnia. Os ingressos já estão à venda no site https://braziliannites.com.

Com uma trajetória que inclui 60 anos de carreira e 80 anos de vida, Milton Nascimento decidiu que chegou a hora de se despedir dos palcos. Mas para que esse ciclo se complete, o artista decidiu fazer uma última homenagem aos fãs com uma turnê internacional que promete ser épica: “One Final Music Session”.

Calor aumenta risco de apagão na Califórnia

Consumo recorde sobrecarrega rede elétrica (Foto: Ujjwal Kishore/Pexels)
Consumo recorde sobrecarrega rede elétrica (Foto: Ujjwal Kishore/Pexels)

A onda de calor tem sido tão intensa na California que esta semana o Estado bateu o recorde de consumo de energia dos últimos 16 anos. O California Independent Systems Operator (CAISO), a agência sem fins lucrativos que supervisiona a rede elétrica do Estado, informou que, pela primeira vez, o consumo atingiu 52.061 megawatts – o que é bem preocupante. Isto significa um alerta de emergência que requer “esforços máximos de conservação” por parte da população. A orientação é usar o mínimo possível de eletricidade das 16h às 21h, quando o sistema fica sobrecarregado.

Caso o consumo não diminua, há perigo de ocorrerem apagões programados. A situação é particularmente crítica porque a maioria da eletricidade da Califórnia é importada de outros Estados e qualquer mudança climática pode afetar o seu abastecimento. Mesmo a energia solar, da qual o Estado em tese disporia em abundância, tem limitações, como nuvens. Também não está disponível nos horários de pico de consumo, como ao anoitecer.

A situação é tão crítica que o legislativo estadual da Califórnia resolveu esta semana adiar o fechamento da última usina nuclear em operação: a Diablo Canyon, que encerraria atividades em 2025. Uma lei foi aprovada para mantê-la aberta por mais cinco anos, dando ao proprietário da usina, a Pacific Gas and Electric (PG&E), um empréstimo a fundo perdido no valor de US$ 1,4 bilhão. O documento segue agora para sanção do governador.

A medida vai de encontro à meta que o governador Gavin Newsom estabeleceu para que o Estado obtenha 100% de sua eletricidade de fontes limpas e renováveis até 2045. A Diablo Canyon é a maior fonte única de energia e gerou quase 9% da eletricidade estadual no ano passado. A usina é responsável por cerca de 15% da produção de energia limpa da Califórnia.

COMO ECONOMIZAR ENERGIA

• Regule o seu ar condicionado para 78°F (25°C) ou mais. Prefira ventilador. Você pode pré-resfriar sua casa em 72°F pela manhã, quando há menor demanda, e aumentar a temperatura para 78°F à tarde.

• Desconecte aparelhos que ficam sugando energia da rede mesmo quando não estão sendo usados, como micro-ondas e carregadores de celular.

• Feche cortinas e persianas para manter a casa mais fresca. Apague luzes desnecessárias.

• Espere até o início da manhã ou tarde da noite para usar a máquina de lavar ou lava-louças, ou utilizar o aspirador de pó.

• Se tiver um carro elétrico, não o carregue à tarde ou à noite.

• Quem tem piscina, deve desligar a bomba.