Brasileira acusa ex-marido de levar as filhas para a Escócia e nunca mais voltar

Segundo Karla, ex-marido levou as meninas alegando que passariam férias na Escócia, mas nunca as levou de volta; justiça escocesa deu ganho de causa ao pai

0
801
Karla luta para levar as filhas de volta ao Brasil (Foto: Reprodução TV Globo)
Karla luta para levar as filhas de volta ao Brasil (Foto: Reprodução TV Globo)

DA REDAÇÃO – Uma professora brasileira está brigando na Justiça para conseguir levar as duas filhas, que estão na Escócia com o pai, para o Brasil. Segundo Karla Mcintosh, o pai das crianças – que hoje têm 10 e oito anos – alegou que levaria as filhas para passar as férias no país em dezembro de 2020 e nunca mais voltou.

No último dia 18 de agosto, um juiz escocês deu ganho de causa ao pai e determinou que as crianças ficassem no país. O juiz Lord Brailsford alegou que a permanência das meninas no Brasil tinha sido afetada pela pandemia. De acordo com a sentença, elas não tinham plano de saúde–o que Karla nega–e nem dentário.

Segundo um especialista em direito de família internacional, o advogado Maurício Ejchel, a ação do pai configura sequestro internacional de crianças. A mãe apela às autoridades brasileiras para ter as filhas de volta.

Karla foi casada com o engenheiro Ryan McIntosh, que trabalhava em uma empresa de petróleo. Eles moraram na Escócia por sete anos, o relacionamento se desgastou e, com o consentimento do então marido, voltou para morar no Brasil com as crianças em fevereiro de 2020.

“Três semanas depois, tudo fechou por causa da pandemia e as meninas ficaram fazendo aula online. Foi um ano muito difícil para o mundo inteiro. E isso atrapalhou demais, e as meninas foram as maiores prejudicadas do ponto de vista social”, diz a professora.

Em julho do ano passado, Ryan foi visitar as filhas em NiteróI (RJ). Nesse momento, Karla e o marido decidiram terminar o casamento. O combinado, segundo ela, era que o marido viesse visitar as meninas duas vezes por ano.

No último natal, Karla concordou em deixar o Ryan levar as meninas para passar férias na Escócia, com passagem de ida e volta. Segundo a Karla, tudo parecia bem, até que o ex-marido informou que as filhas não voltariam mais.