Brasileiros conseguem bons e maus resultados na Libertadores

0
1505

Grêmio e Santos largaram bem nas oitavas de final da Copa Libertadores da América, enquanto Palmeiras, Atlético-MG e Atlético-PR iniciaram a fase com derrota. O Botafogo recebeu o Nacional do Uruguai na quinta-feira (6) completando os jogos de ida com os clubes brasileiros. O frustrante é que os jogos de volta serão apenas no início de agosto, o que muda inclusive as formações das equipes em função das janelas de transferência de atletas, sobretudo para os mercados europeu e chinês.

Grêmio vence Godoy Cruz com gol relâmpago

O Grêmio derrotou o Godoy Cruz da Argentina com o gol relâmpago de Ramiro aos 46 segundos de jogo. Entretanto, apesar do início avassalador, o time de Mendoza engrossou a partida e fustigou bastante a meta guardada por Marcelo Grohe – aliás, o goleiro gremista se transformou na grande figura da partida com pelo menos três defesas milagrosas bem coajuvado pelos zagueiros Geromel e Kanemman e pelo volante Michel. Com a vitória, o Tricolor traz para Porto Alegre uma senhora vantagem para seguir em frente no sonho pelo tri da América. Na partida de volta, em 9 de agosto, na Arena, se classifica caso não sofra gols. Qualquer empate lhe serve, e uma derrota pelo mesmo placar leva a decisão para os pênaltis. Até lá, o time de Renato Gaúcho volta as atenções para o Brasileirão. No próximo domingo, recebe o Avaí, em Porto Alegre, pela 12ª rodada.

Santos surpreende Furacão em Curitiba

Em jogo de muitos gols, o Santos ganhou do Atlético-PR pelo placar de 3 a 2 na Vila Capanema em Curitiba. O Furacão saiu na frente com gol de Nikão após aproveitar um cruzamento da esquerda. Jogando na capital paranaense, tudo inidicava que Rubro-Negro paranaense sairia com a vitória. Entretanto, as boas autações de Lucas Lima, Kayke e Bruno Henrique alteraram completamente o roteiro. Lucas Lima, que é pretendido pelo Barcelona, fez ótimo passe para Kayke que encobriu Weverton com categoria para empatar a partida. Na segunda etapa, o Alvinegro praiano virou o jogo com gol de Bruno Henrique após falha bisonha do bom goleiro Weverton. E ampliou com Kayke que completou de letra a excelente jogada de Bruno Henrique. Ederson ainda descontou para o time curitibano, porém, a situação do Atlético-PR complicou-se bastante. No dia 10 de agosto, o Furacão precisa derrotar o Santos por dois gols de diferença para passer às quartas de final. Já o Peixe pode até perder por 2 a 1 que se classifica. Agora, ambas equipes voltam suas atenções. Atlético-PR recebe Chapecoense em Curitiba em choque direto porque os dois times têm 14 pontos ganhos. Já o Santos tem o clássico com o São Paulo também no domingo, 9 de julho.

Atlético-MG perde na Bolívia com gol de bicicleta

Jogando no Estádio Félix Capriles, em Cochabamba, na Bolívia, o time mineiro perdeu por 1 a 0. O atacante Álvarez marcou de bicicleta o único gol da partida. Foi uma jornada infeliz do Galo mineiro e os torcedores ficaram frustrados com as más atuações de Robinho, que foi substituído no intervalo por Valdívia, e do lateral Alex Silva. A equipe boliviana demonstrou muito mais disposição em campo e o resultado poderia ter sido ainda pior para o Atlético na Bolívia. Aos oito minutos do segundo tempo, o meia-atacante Serginho entrou na área cruzou a bola, que bateu no braço de Alex Silva. Na interpretação do árbitro Daniel Fedorczuk o lance foi normal. Apesar de muita reclamação dos jogadores da equipe boliviana, o juiz uruguaio marcou escanteio. Mesmo com o resultado negativo, o Alvinegro das Alterosas tem tudo para reverter o infortúnio e classificar-se para as quartas de final, até porque possui jogadores com muito mais categoria do que o time boliviano. Já o Atlético-MG faz um choque de Alvinegros que estão disputando a Copa Libertadores ao viajar para o Rio de Janeiro onde enfrenta o Botafogo no domingo. O Galo está em oitavo lugar e o Botafogo ocupa a décima posiçào.

Flamengo massacra a ex-asa negra

Começou com emoção a Copa Sul-Americana para o Flamengo depois da eliminação traumática na Libertadores. Na quarta-feira (5), o Rubro-negro goleou o Palestino-CHI por 5 a 2, em Santiago, no jogo que teve sete gols no segundo tempo e duas viradas no placar. Réver, Berrío, Leandro Damião, Rafael Vaz e Everton Ribeiro marcaram para os cariocas – Romo e Vidal fizeram para os chilenos. O resultado impediu um novo vexame do Flamengo no continente e para o mesmo adversário que o eliminou da Sul-Americana no ano passado. O time misto rubro-negro conseguiu uma excelente vantagem para o jogo de volta, dia 9 de agosto, no estádio Ilha do Urubu. Até uma derrota por 3 a 0 classifica a equipe comandada pelo técnico Zé Ricardo.O Flamengo agora se concentra no importante compromisso do próximo sábado (8) pelo Campeonato Brasileiro, em São Januário. O clássico contra o rival Vasco é fundamental nas pretensões do Rubro-negro de subir na tabela e perseguir o líder Corinthians na briga pelo título.

Palmeiras letárgico perde no Equador

Certamente foi um dos piores jogos de futebol do ano. Barcelona de Guayaquil e Palmeiras judiaram da bola e 0 a 0 era o retrato fiel do jogo disputado no Monumental Isidro Romero Carbo, na cidade equatoriana. Entretanto, um chute de Alvez aos 47 minutos do segundo tempo que desviou em Thiago Santos acabou resultando na vitória do Barcelona de Guayaquil. E não foi uma quarta-feira feliz para o Palmeiras. O dia que começou com a triste notícia de que o filho de Guerra estava internado após se afogar em casa. Enquanto o time jogava, Guerra voava de volta a São Paulo para cuidar de Assael, o mais novo de seus dois filhos, que continua internado no Hoispital Albert Einstein em São Paulo. Agora, o time amarelo de Guayaquil vai a São Paulo no dia 9 de agosto dependendo apenas de um empate para se classificar às quartas de final da Copa Libertadores da América. Contudo, não será surpresa se o Verdão vencer o frágil adversário por dois gols de diferença no Allianz Parque onde não é derrotado há mais de um ano. Será quase impossível jogar tão mal como ocorreu em Guayaquil diante da fanática torcida local no belo estádio do Barcelona que, no entanto, tem um gramado muito mal cuidado. Agora, o Alviverde paulista se concentra na disputa do Brasileirão, pelo qual terá um duelo dificílimo contra o Cruzeiro no domingo contra o Cruzeiro no Mineirão.

Sai Mito Rogério Ceni, entra Dorival Junior

São Paulo e Dorival Júnior chegaram a um acerto no fim da tarde de quarta-feira (5). O técnico será o substituto de Rogério Ceni, demitido na segunda-feira (3). Ele foi anunciado pelo presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, em uma rede social. O treinador, ex-Santos, terá a missão de evitar o primeiro rebaixamento da história do clube. Passadas 11 rodadas, o Tricolor abre o Z-4, com 11 pontos. Por questões particulares, ele não dirigirá o Tricolor paulista no clássico contra o Santos – exatamente o clube que o dispensou um mês atrás. Pintado será o comandante da equipe no domingo (9) na vila Belmiro.

Chris Bosh deixa Miami Heat

O Miami Heat anunciou na terça-feira (5) a dispensa de Chris Bosh, de 33 anos de idade. O jogador já não vinha atuando desde fevereiro do ano passado com o segundo diagnóstico de coágulos de sangue no corpo, que fizeram com que sua carreira fosse encurtada na NBA, a liga americana de basquete. Bicampeão em 2012 e 2013, ele deixa o time com a promessa do presidente Pat Riley de que terá sua camisa número 1 aposentada em breve. Com a saíde de Bosh, vai-se o último elo do Big Three que tantas alegrias deu aos torcedores da equipe do Sul da Flórida. Antes, já haviam deixado o clube LeBron James e Dwayne Wade, que preferiram defender as equipes das cidades onde nasceram, respectivamente Cleveland Cavaliers e Chicago Bulls. Agora, com mais dinheiro em caixa, Miami Heat tenta formar uma equipe mais forte para a próxima temporada.

Nenê reassina com Rockets e Leandrinho deixa o Suns

Quinze anos depois de ser selecionado para jogar na NBA, Nenê viveu um fim de semana estressante. No sábado (1), o brasileiro comemorou nas redes sociais a renovação de contrato com o Houston Rockets por mais quatro anos. O valor seria de US$ 15 milhões. Mas horas depois, a oferta foi vetada devido a uma regra de idade da NBA (Nenê tem 34 anos) e a proposta teve que se modificada. Essa segunda oferta não agradou ao pivô. Mas no domingo (2), clube e jogador chegaram a um acordo, fechando um contrato de três anos por US$ 11 milhões. E el epode ganhar a companhia de outro brasileiro. Depois de uma demora no anúncio oficial, o Paulistano, finalmente, acertou a liberação de Georginho para assinar um contrato de dois anos com o Houston Rockets e ficar mais perto do sonho de jogar na NBA, a liga americana de basquete. O jogador disputará a Liga de Verão de Las Vegas a partir de sexta-feira, participará do período de treinamentos com o grupo principal e, em seguida, será integrado ao Rio Grande Valley Vipers, afiliado do time na G-League, a liga de desenvolvimento da NBA. Já Leandrinho não teve seu contrato renovado pelo Phoenix Suns e dificilmente continuará na NBA, onde desenvolveu um bom trabalho.