Chinesa pode pegar até cinco anos de cadeia por fraude no visto EB-5

Dinheiro usado para o investimento necessário para a obtenção do green card era sujo

0
4413
Visto EB-5 requer investimento mínimo de $500 mil

Uma imigrante chinesa em Seattle declarou-se culpada da acusação de usar dinheiro sujo para obter o green card através do programa EB-5, criado para investidores estrangeiros que desejam mudar-se para os Estados Unidos.

Shilan Zhao, de 53 anos, apresentou documentação falsa à imigração para conseguir a residência nos EUA. Ela foi presa, declarou-se culpada, concordou em abrir mão de uma casa em Newcastle, perto de Seattle, no valor de $900 mil, e outras propriedades no valor total de dezenas de milhões de dólares, segundo a procuradoria-geral federal em Los Angeles. Além disso, vai passar até cinco anos numa prisão federal, depois dos quais provavelmente será deportada.

A chinesa aproveitou-se do programa federal de obtenção da residência através do investimento externo de pelo menos $500 mil em empreendimentos que gerem empregos nos Estados Unidos, conhecido como EB-5.

Zhao e o companheiro vieram para cá em 2009 portando um green card provisório obtido através do programa de investimento, declarando que o dinheiro era proveniente de duas companhias de farinha das quais ela seria sócia.

Uma investigação revelou que o dinheiro na verdade era parte de um total de $2,2 milhões que ela e o ex-marido desviaram de uma companhia de grãos na China.

“Há um processo legal a ser seguido para a obtenção da permanência legal neste país. Aqueles que tentam enganar o sistema com fraudes ameaçam a segurança nacional e comprometem os esforços de outros imigrantes que seguem as regras para a entrada legal nos Estados Unidos”, disse Eileen Decker, procuradora do Central District of California, em nota.

Embora esse tipo de processo criminal seja raro, é comum o aparecimento de problemas no programa EB-5, em todo país. Na semana passada, um incorporador do estado de Washington declarou-se culpado por ter fraudado centenas de investidores EB-5 chineses.

Os recursos financeiros declarados nos requerimentos para o EB-5 precisam ter sua origem rigorosamente comprovada para a obtenção do benefício, a fim de evitar a lavagem de dinheiro internacional.