Convocada Seleção Olímpica de Futebol Masculino

0
2754

Na quarta-feira (29), o técnico da Seleção Olímpica de Futebol Masculino, Rogério Micale, divulgou a lista dos 18 convocados que terão a missão de obter a medalha de ouro olímpica – a única conquista que falta ao vitorioso futebol brasileiro. Pelo regulamento da competição, apenas jogadores abaixo de 23 anos podem ser convocados, com exceção de três atletas. Os mais velhos escolhidos foram Fernando Prass, Neymar e Douglas Costa.

Relação dos 18 convocados
Relação dos 18 convocados

Seleções divididas em quatro grupos

O Brasil está no Grupo A, ao lado da África do Sul, Dinamarca e Iraque. O cabeça de chave do Grupo B é a Colômbia, que integra o grupo compost também por Japão, Nigéria e Suécia. As seleções que formam o Grupo C são Alemanha, México (atual campeão olímpico), Coreia do Sul e Fiji. No Grupo D estão Portugal, Argélia, Honduras e Argentina – vencedora de medalhas de ouro em duas Olimpíadas. Aliás, este foi o único título conquistado por Lionel Messi vestindo a camisa da seleção argentina.

Clubes vão sofrer

Os clubes que cederão jogadores para a Seleção Olímpica de Futebol serão prejudicados porque o Campeonato Brasileiro continuará em andamento. Dessa forma, caso o Brasil chegue à final os convocados desfalcarão suas equipes em seis rodadas. O Santos, que cedeu três atletas, será o clube com mais problemas, pois terá de encontrar substitutos para Gabigol, Thiago Maia e Zeca. Palmeiras e também terá de se virar para encontrar bons substitutos para Fernando Prass e Gabriel Jesus no Verdão. O Galo cedeu dois atletas, entretanto o goleio Uilson não é titular do time. Outro que cedeu dois atletas foi o Barcelona, no entanto, clube estará em pré-temporada.

Timão no topo

Parece que o Corinthians se recusa a ser mero participante nos campeonatos brasileiros. Nesta temporada, os analistas apostavam que o clube sofreria bastanter após a limpa feita pelos chineses, que desmontaram a estrutura do atual campeão brasileiro. Entretanto, Tite conseguiu refazer a equipe com reforços pontuais e promoção de alguns jogadores da base. A saída de Tite e a chegada de Cristóvão Borges parece não ter alterado a rotina. Tanto que o Alvinegro paulista está em segundo lugar, com 22 pontos, após a vitória sobre o América-MG, com gols de Romero e Marquinhos Gabriel. No domingo, fará o clássico com o Flamengo em São Paulo na briga pelo G-4. Já o Coelho, lanterninha da competição, terá outra pedreira ao enfrentar o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba.

No duelo dos tricolores, deu São Paulo

Os torcedores do São Paulo não escondem. O desejo deles é ver o Tricolor paulista campeão da Copa Libertadores da América pela quarta vez. Como única equipe brasileira nas semifinais, o time do Morumbi enfrentará o Atlético Nacional da Colômbia em duas partidas – a primeira delas, em São Paulo, no dia 6 de julho, e a segunda, dia 13, em Medellin. O clube não vem poupando esforços para alcançar este objetivo. Esta semana comprou o zagueiro Maicon junto ao Porto por seis milhões de euros e ainda cedeu 50% dos direitos dos jovens Lucão e Inácio. Além disto, o técnico Edgardo Bauza vem poupando jogadores para o “grande jogo” do São Paulo este ano. Entretanto, apesar das precauções, o time está sofrendo com as contusões de Hudson, Kelvin e de Ganso – que sofreu estiramento muscular após ter participado por 25 minutos na vitória do São Paulo sobre o Fluminense por 2 a 1 – gols de João Schmidt e Alan Kardec e de Cícero para o Flu.

Em jogão, Grêmio bate Santos

Grêmio e Santos fizeram um dos jogos mais eletrizantes do Campeonato Brasileiro na Arena do Grêmio, em Porto Alegre na quarta (29). O Tricolor gaúcho foi para o intervalo com 2 a 0 no placar (gols de Giuliano e Douglas) e sofreu o empate após o gol do estreante Copete e do lateral Zeca. No final da partida, Marcelo Hermes marcou o terceiro do Grêmio para definir o placar. O Santos tentará se recuperar jogando contra a Chapecoense na Vila Belmiro eo Grêmio fará o clássico do Sul contra o Internacional.

Colorado precisa vencer para sair da crise

O Inter despontou como um dos candidatos ao título, entretanto, a missão não é fácil. Embora esteja no quarto lugar, enfrentará o arquirrival que está em terceiro. Uma vitória do Colorado serviria para espantar a crise, porque o clube somou apenas um ponto entre 12 disputados nas quatro últimas partidas. A derrota mais recente foi para o Flamengo em Cariacica, no Espírito Santo, com o goleiro Muriel evitando um placar mais elástico do que o 1 a 0 do Rubro-Negro carioca, gol de Evérton. No domingo, o Fla também terá uma missão complicada: jogará com o Corinthians na Arena Itaquera, emu ma briga direta pelo G-4.

Rubro-Negro baiano vence o de Pernambuco

Vitória e Sport têm muitas coisas em comum. Os dois são rubro-negros, têm o leão como mascote e representam o futebol nordestino. O Sport Club do Recife saiu na frente com um golaço do zagueiro Matheus Ferraz, também autor do segundo gol do time, mas não foi suficiente para evitar que o Vitória confirmasse o mando de campo, ao vencer o adversário por 3 a 2, com gols de Vander, Euler e Nickson. No final da semana, o Vitória irá a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro, enquanto o Sport receberá o líder Palmeiras na Ilha do Retiro, na segunda-feira à noite, inaugurando o novo horário do futebol brasileiro, ao estilo do Monday Night Football americano.

Chapecoense bate Raposa

Após a boa vitória sobre o Palmeiras e a goleada sobre a Ponte Preta, a recuperação do Cruzeiro foi interrompida após a derrota por 3 a 2 para a Chapecoense na Arena Condá, em Chapecó. O time mineiro saiu na frente com um gol de Pisano, porém, o Alviverde catarinense reagiu com gols de Silvinho e Artur Maia. O zagueiro Fabrício Bruno empatou o jogo, todavia, Kempes fez o gol da vitória do time da casa que vem fazendo boa campanha na competição e estreou o técnico Caio Junior no comando da equipe. O time de Santa Catarina terá uma parade indigesta pois terá de jogar em Santos contra o time do técnio Dorival Junior. Já o Cruzeiro receberá o Vitória em Belo Horizonte com necessidade de voltar a vencer para não se afastar muito dos primeiros colocados.

 Deu Coritiba no clássico parananese

No Atletiba, melhor para o Coritiba. Em um jogo bem disputado, no Couto Pereira, o Coxa Branca levou a melhor ao vencer o arquirrival por 1 a 0 com gol do turco Kazim, que estreou na equipe na quarta-feira (29). O resultado deu respiro ao time da capital do Paraná que vem lutando para escapar do Z-4. No final da semana, o Coritiba enfrentará o Fluminense em Volta Redonda, enquanto o Atlético-PR receberá o América-MG na Arena da Baixada, em Curitiba.

Jogos complementares

A 12ª rodada do Brasileirão 2016 foi completada na quinta-feira (30) com três partidas: Santa Cruz x Ponte Preta; Atlético-MG x Botafogo; Palmeiras x Figueirense. Como os jogos foram disputados após o fechamento desta edição, não pudemos divulgar os resultados e analisá-los.

A tristeza do craque

Como admirador do futebol, não posso deixar de dizer que fiquei triste com o resultado final da Copa América Centenário. Estava torcendo bastante pelo sucesso da Seleção Argentina por vários motivos: era a única equipe 100%, ou seja, havia vencido todos seus adversários; quebra de um tabu que já dura 23 anos sem uma grande conquista; a atual geração é boa, mas não vem obtendo bons resultados, e sobretudo por Lionel Messi. O maior craque do futebol mundial ficou tão frustrado que anunciou sua aposentadoria da seleção albiceleste, e foi seguido por outros companheiros. Torcemos para que isto tenha servido apenas para tirar do poder os incompetentes e corruptos dirigentes da AFA (Associação de Futebol da Argentina) – objetivo já conseguido. O mundo merece continuar vendo o principal jogador do planeta desfilando sua classe tanto com a camisa do Barcelona como com a da Argentina. O desânimo de Messi é compreensível, após ter sido vice-campeão por três anos seguidos: em 2014, derrota para a Alemanha na prorrogação da final da Copa do Mundo, no Maracanã; em 2015, derrota para o Chile na Copa América, em Santiago, em decisão por pênaltis, e em 2016, derrota para o Chile na Copa América, em New Jersey, em decisão por pênaltis. Irônico lembrar que Argentina continua invicta contra a Seleção Chilena, pois não perdeu nas duas competições, contudo, os jogadores chilenos foram mais competentes nas cobranças das penalidades máximas. E aqui nos EUA na estreia das duas seleções vitória da Argentina sobre o Chile por 2 a 1.

Lionel Messi desolado
Lionel Messi desolado