Estados Unidos reabrem as fronteiras para 33 países nesta segunda-feira

É grande a expectativa do setor de turismo da Flórida, que sentiu, principalmente, o impacto da falta de turistas brasileiros e europeus

0
1132
Turistas estrangeiros voltaram a ter permissão para entrar nos EUA (Foto Flickr)

Os Estados Unidos reabriram, nesta segunda-feira (8), as fronteiras para turistas vacinados de 33 países, entre eles, o Brasil. É grande a expectativa do setor, que sentiu duramente o impacto da falta de turistas do Brasil, China, Europa, Índia e outros.

“Nós não veremos uma completa recuperação do setor de turismo até que todos esses turistas voltem à cidade”, disse Rolando Aedo, executivo do Greater Maimi Convention and Bureau. “O dia de hoje é um divisor de águas para todos nós”.

O turismo estrangeiro é de suma importância para Miami. Em 2019, 7 milhões ou 30% dos turistas que visitaram a cidade eram estrangeiros. Em Orlando esse número é ainda maior. A expectativa é que, até o fim deste ano, 1.5 milhões de turistas estrangeiros visitem a cidade. Especialistas acreditam, porém, que a Terra do Mickey só recupere o que perdeu em 2023.

A expectativa é que o Orlando International Airport receba 140 mil pessoas somente neste mês de novembro.

“Estamos otimistas e felizes com o retorno dos estrangeiros, principalmente os britânicos, mexicanos e brasileiros. Mais da metade dos nossos visitantes de fora, 48%, vêm do Canadá, Reino Unido e Brasil”, disse Carolyn Fennell, porta-voz do aeroporto de Orlando.

Ainda não há incidentes reportados em aeroportos no dia de hoje, além de filas já esperadas. Nas fronteiras terrestres, os motoristas tiveram que ter paciência com as longas filas.

As fronteiras começaram a se fechar para turistas estrangeiros no fim de 2020 e é grande a expectativa para o retorno. Saiba mais sobre as regras para viajar para os EUA aqui. (Com informações do Miami Herald)