Galo com a mão na taça

0
655
O zagueiro Nathan Silva fez um gol de cabeça na vitória sobre o Santos em Belo Horizonte (Foto: Pedro Souza/Clube Atlético Mineiro)
O zagueiro Nathan Silva fez um gol de cabeça na vitória sobre o Santos em Belo Horizonte (Foto: Pedro Souza/Clube Atlético Mineiro)

Faltando oficialmente 12 rodadas para o Campeonato Brasileiro terminar, o Atlético-MG segue firme em sua determinação de se sagrar campeão brasileiro 50 anos depois de ter ganho o primeiro título do Brasileirão em seu novo formato. Com certeza, muitos torcedores do Galo nunca gritaram “É Campeão” e vivem das histórias contadas por seus pais e avôs e de craques como Lola, João Leite, Dario Peito de Aço entre outros.

Pois agora, sob o comando de Cuca e tendo Hulk como estrela, o Alvinegro de Belo Horizonte caminha célere para quebrar a escrita e acabar com a irônica alcunha de “monotítulo”. Apenas o Flamengo, em busca do tricampeonato, ainda ameaça a volta olímpica do Galo.

Vamos analisar os jogos deste meio de semana e traçar um panorama do futuro da principal competição do país.

Red Bull Bragantino sobe na tabela

Jadsom fez seu primeiro gol como profissional na vitória do Red Bull Bragantino sobre o Atlético-GO (Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)
Jadsom fez seu primeiro gol como profissional na vitória do Red Bull Bragantino sobre o Atlético-GO (Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)

O Red Bull Bragantino venceu o Atlético-GO por 1 a 0 na noite desta terça-feira (12), no estádio Nabi Abi Chedid, pela 26ª rodada do Brasileirão. Com um homem a menos desde os 28 minutos do primeiro tempo, o Massa Bruta alcançou a vitória com gol de Jadsom, no segundo tempo. O time, que encerrou um jejum de cinco jogos sem vencer em casa, ainda teve um pênalti perdido por Praxedes na etapa inicial. O Dragão, por outro lado, acumula três partidas sem vitória no nacional. Apesar da ótima campanha, o time de Bragança Paulista foi o único a ser derrotado pela Chapecoense – e em seu estádio!

As equipes voltam a jogar no domingo (17). O Bragantino visita o Ceará, no Castelão. O Atlético-GO terá parada indigesta ao receber o Atlético-MG.

Verdão em queda livre

O goleiro Jailson foi o principal destaque no empate do Palmeiras contra o Bahi em Salvador (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
O goleiro Jailson foi o principal destaque no empate do Palmeiras contra o Bahi em Salvador (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Bahia e Palmeiras empataram por 0 a 0 na noite desta terça-feira (12), na Itaipava Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mas a rede só não balançou por conta de Jailson, herói para o Verdão e vilão para o Tricolor. O goleiro fechou o gol no segundo tempo no momento de maior pressão dos donos da casa, que reencontraram a torcida, e assegurou a igualdade. O resultado é ruim para ambos, mas pior para o Bahia, que segue ameaçado pelo rebaixamento à Série B. No caso do Palmeiras, sem vencer há cinco rodadas na competição (com três derrotas e dois empates), mais do que o resultado, o futebol apresentado aumenta a pressão sobre o finalista da Libertadores. Realmente causa estranheza esta queda de produção do Alviverde paulista que dominou o primeiro turno e agora, no segundo turno, tem uma campanha de equipe no Z4. O Palmeiras não pode ficar apenas voltado para a final da Taça Libertadores da América, marcada para 27 de novembro, e esquecer de jogar o Brasileirão. De líder caiu para o quinto lugar e precisar reagir rapidamente. 

O Bahia volta a campo no sábado (16) contra o América-MG, no estádio Independência, em Belo Horizonte. E o Palmeiras joga no domingo (17) contra o Internacional, no Allianz Parque, em São Paulo.

Flamengo faz sua parte!

O Rubro-Negro carioca precisou de 45 minutos para decidir a partida e vencer o Juventude por 3 a 1, na noite desta quarta-feira, no Maracanã, pela 26ª rodada do Brasileirão. Com gols de Kenedy, Pedro e Andreas Pereira na primeira etapa, o Rubro-Negro viu a equipe gaúcha diminuir no início do segundo tempo com William Matheus, mas cadenciou o confronto para garantir os três pontos e seguir na caça ao líder Atlético-MG.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo (17), pela 27ª rodada do Brasileirão. O Juventude vai até a Arena do Grêmio enfrentar o Grêmio e o Flamengo recebe o Cuiabá no Maracanã.

Atlético-MG faz sua parte!

O Peixe até que tentou, mas o Atlético provou novamente que é o grande favorito para levar o título do Brasileirão 2021. Jogando no Mineirão, o Galo derrotou o Santos por 3 a 1, de virada, pela 26ª rodada do campeonato. O time paulista saiu na frente com Raniel, no início do segundo tempo. O Atlético foi para cima e buscou os três pontos sob o comando do argentino Nacho Fernández, que marcou dois gols e deu passe para Nathan Silva deixar o dele. O triunfo fez o Galo atingir a marca de 18 jogos sem perder no Campeonato Brasileiro e interrompeu a reação do Santos, que vinha de vitória em casa diante do Grêmio. Detaqlhe: Hulk foi desfalque na partida em virtude de uma lesão.

As duas equipes voltam a campo no domingo (17). O Galo joga em Goiânia diante do Atlético-GO pela 27ª rodada do Brasileirão. Um pouco mais tarde, o Peixe enfrenta o Sport, na Ilha do Retiro, no Recife.

De novo no quase!

A Chapecoense voltou a ficar muito perto de sentir o sabor da primeira vitória como mandante no Campeonato Brasileiro. O Verdão do Oeste vencia o Athletico até os 43 minutos, mas sofreu o gol de empate por 1 a 1, na Arena Condá, em Chapecó, pela 26ª rodada. Apesar de um bom rendimento em campo, o time catarinense abriu o placar com Matheus Ribeiro aos 12 minutos da etapa final. O Furacão, porém, não se entregou e foi buscar a igualdade diante da lanterna da Série A com gol de Christian. 

A Chape volta a campo no sábado (16) contra o Fortaleza, novamente na Arena Condá. E o Athletico joga no domingo (17) diante do Fluminense, na Arena da Baixada, em Curitiba.

Fortaleza sobe para o terceiro lugar

O Fortaleza voltou a vencer em casa! Com gol de Yago Pikachu aos 33 do segundo tempo, o Leão levou a melhor em cima do Grêmio e levantou a torcida na Arena Castelão. Como mandante, o Tricolor do Pici não vencia há cinco jogos no Brasileirão. O Grêmio chegou a criar oportunidades, mas o Leão foi superior e somou três pontos em casa.

O Fortaleza entra em campo no sábado (16), contra a Chapecoense, na Arena Condá. Já o Grêmio encara o Juventude no domingo (17), na Arena do Grêmio.

Garoto-sensação garante vitória do Timão

O jovem Gabriel Pereira marcou seu primeiro gol como profissional na vitória do Corinthians sobre o Fluminense (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
O jovem Gabriel Pereira marcou seu primeiro gol como profissional na vitória do Corinthians sobre o Fluminense (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Numa noite em que Willian saiu com dores logo aos sete minutos e as outras estrelas não brilharam, coube ao garoto Gabriel Pereira, de 20 anos, a tarefa de salvar o Corinthians e fazer o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, nesta quarta-feira (13), na Neo Química Arena, em jogo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o golaço do novato, já no segundo tempo, o Timão se recuperou rapidamente da derrota do fim de semana para o Sport e colou novamente no G-4 – a um ponto do Bragantino, quarto colocado, e já empatado na pontuação com o rival Palmeiras, em queda no torneio. Já o Flu chega a três jogos sem vencer (além de derrota para o Fortaleza e empate com o Atlético-GO, ambos em casa) e se distancia da parte de cima da tabela. 

Os dois times voltam a campo pela 27ª rodada do Brasileirão. O Fluminense visita o Athletico-PR no próximo domingo(17), na Arena da Baixada, enquanto o Corinthians tem clássico contra o São Paulo na segunda-feira (18), no Morumbi.

Colorado cola nos líderes

Dois gols de Patrick e um de Yuri Alberto garantiram a vitória do Colorado sobr o Coelho. De quebra, Yuri Alberto se tornou artilheiro do Brasileirão (Foto: Sport Club Internacional)
Dois gols de Patrick e um de Yuri Alberto garantiram a vitória do Colorado sobr o Coelho. De quebra, Yuri Alberto se tornou artilheiro do Brasileirão (Foto: Sport Club Internacional)

O Inter venceu o América-MG por 3 a 1 na noite desta quarta-feira (13), no Beira-Rio, pela 26ª rodada do Brasileirão, com dois gols de Patrick e outro de Yuri Alberto. O volante fez um golaço de voleio no primeiro tempo e outro de cabeça, no segundo, quando contou com a ajuda do goleiro Matheus. Ademir marcou para o Coelho, que perde a sequência de oito jogos de invencibilidade com Vagner Mancini. O centroavante colorado ampliou a vantagem nos acréscimos e assumiu a artilharia da competição.

O América-MG entra em campo primeiro na próxima rodada. No sábado (16), recebe o Bahia no Independência. No dia seguinte, o Inter vai a São Paulo enfrentar o Palmeiras, no Allianz Parque.

Dois jogos fecham a rodada

Rogério Ceni substitui Hernán Crespo no comando técnico do São Paulo (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Rogério Ceni substitui Hernán Crespo no comando técnico do São Paulo (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Cuiabá x Sport disputaram um jogo importante para ambas equipes. O Rubro-Negro pernambucano está reagindo no Brasileirão e está tentando sair do Z-4. Já o Dourado lutava para se afastar ainda mais da zona de rebaixamento. 

Porém, foi o outro jogo que atraiu a atenção dos torcedores e jornalistas esportivos. A surpreendente demissão do técnico Hernán Crespo na quarta-feira (13) demonstrou uma falta de ética por parte dos dirigentes do São Paulo. O argentino e sua comissão técnica foram dispensados e substituídos pelo técnico Rogério Ceni e sua equipe. Embora saibamos que normalmente os treinadores negociam com dirigentes, mesmo com outros profissionais ocupando cargos, não deixa de ser criticável a maneira e o açodamento em trocar o comando técnico. Para se ter uma ideia, apenas horas depois do desligamento de Crespo, Ceni já estava reunido com o elenco e ele comandou um treino tático com os atletas.

Seleção Brasileira classificada

Neymar Jr., desgostoso com algumas críticas, admite não disputar a próxima Copa do Mundo pela Seleção Brasileira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Neymar Jr., desgostoso com algumas críticas, admite não disputar a próxima Copa do Mundo pela Seleção Brasileira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Infelizmente, não podemos divulgar o resultado da partida entre Brasil e Uruguai, porém, não resta a menor dúvida de que a Seleção Brasileira estará na Copa do Mundo do Catar 2022. Em nove jogos disputados, o Brasil venceu nove e empatou uma, contra a Colômbia em Barranquilla. 

É bem verdade que ainda resta a partida contra a Argentina em território brasileiro, suspensa pela Anvisa, mas ninguém duvida de que as duas seleções estarão presentes no Oriente Médio em busca do título.

Esse torneio pode ser significativo porque pode representar a última copa de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, respectivamente, representando Portugal e Argentina. O que causou estranheza foi a declaração de Neymar Jr. de que esta também poderia ser sua derradeira vestindo a camiseta canarinho.

Por ser mais jovem do que os outros dois craques, particularmente acho que esta declaração do principal astro brasileiro foi dada em um momento de irritação e não corresponde à verdade. Claro que ele é bastante criticado por parte da torcida por sua maneira de jogar e sobretudo por seu comportamento fora de campo. Em minha opinião, ele deveria ter contratado uma assessoria profissional para cuidar de sua imagem e de seus contratos e não deixar tudo nas mãos de seu pai e de alguns “parças” que somente dizem amém a ele por medo de perder os privilégios que ele lhes proporciona. Isto fez com que muitas pessoas passassem a ter antipatia pela figura de Neymar – algo irracional, mas perfeitamente compreensível. A boa notícia é que ainda dá tempo de mudar.