Gerente de repartição pública de Palm Beach ameaça demitir funcionários que não se vacinarem

Sob a legislação trabalhista da Flórida, desde que as razões para a demissão não sejam de cunho religioso, sexual ou racial, qualquer pessoa pode ser dispensada por motivos diversos

0
1670
-Anne-Gannon-Palm-Beach-County-Tax-Collector

A chefe do Palm Beach County Tax Collector, Anne Gannon, avisou aos 315 funcionários sob sua supervisão que, quem se recusar a tomar a vacina contra a covid-19, será dispensado.

Ela argumenta que seus funcionários trabalham com atendimento ao público e, na última semana, dois deles testaram positivo para a doença. Muitos outros tiveram covid recentemente e um deles morreu.

“Para todas as pessoas que têm covid, custa dinheiro e arrisca a saúde e o bem-estar dos nossos clientes. Eu tenho a responsabilidades de proteger meus funcionários e o público”, disse.

Sob a legislação trabalhista da Flórida, desde que as razões para a demissão não sejam de cunho religioso, sexual ou racial, qualquer pessoa pode ser dispensada por motivos diversos.

Gannon afirma que vai dar férias às pessoas que não quiserem se vacinar e, se elas insistirem em não se imunizar, elas serão demitidas. (Com informações da AP).