Kaká tem um dos maiores salários da MLS

Associação de jogadores divulgou lista dos salários na última semana

0
841

DA REDAÇÃO (com UOL) – A associação de jogadores da Major League Soccer divulgou na terça-feira (22) a lista de salários da liga americana. E a primeira colocação da lista dos valores, referentes a setembro, é de Kaká, meia do Orlando City Soccer Club.

O brasileiro é um dos atletas que se enquadra na regra de jogadores não-designados, que permite a contratação de astros internacionais por salários que superem o teto salarial das franquias da MLS. A regra entrou em vigor em 2007, quando o Los Angeles Galaxy contratou o inglês David Beckham.

Segundo a relação, Kaká recebe $6,6 milhões por ano do Orlando City, além de bonificações. O valor supera com relativa folga o valor do segundo colocado, o inglês Steven Gerrard (Los Angeles Galaxy), que recebe $6,2 milhões por ano.

Por conta da regra de jogadores não-designados, as primeiras posições da lista são dominadas por jogadores que deixaram o futebol europeu para atuar nos EUA. É o caso do inglês Frank Lampard, do New York City ($6 milhões), do norte-americano Michael Bradley, do Toronto ($6 milhões) e do espanhol David Villa, do New York City ($5,61 milhões).

O segundo brasileiro de melhor colocação da lista é o atacante Gilberto, ex-Internacional, Portuguesa e Vasco da Gama. O atleta, que atualmente atua pelo Chicago Fire, recebe $1,14 milhão por ano, ocupando a 19ª posição da relação.

Lista dos maiores salários da MLS (valores anuais)
1. Kaká (Orlando City): $6,6 milhões
2. Steven Gerrard (Los Angeles Galaxy): $6,2 milhões
3. Frank Lampard (New York City): $6 milhões
3. Michael Bradley (Toronto): $6 milhões
5. David Villa (New York City): $5,61 milhões
6. Sebastian Giovinco (Toronto): $5,60 milhões
7. Robbie Keane (Los Angeles Galaxy): $4,5 milhões
8. Giovani dos Santos (Los Angeles Galaxy): $4 milhões
9. Clint Dempsey (Seattle Sounders): $3,9 milhões
10. Jermaine Jones (New England Revolution): $ 2,8 milhões